@rosiehw

Arranjar-se para sair de casa, quer fosse para ir trabalhar ou para uma atividade de lazer na rua, provavelmente fazia parte da sua rotina diária. Depois, de um momento para o outro, chegou a pandemia.

Com as medidas de isolamento e a realidade da higienização constante, muitos artigos de moda ficaram guardados no armário, especialmente os acessórios. Embora haja a ideia de que as bijuterias, joias, roupas, etc. vão manter-se em bom estado se forem apenas armazenadas em locais secos, a verdade é que são necessários certos cuidados para evitar que se desgastem ou fiquem estragadas.

A boa notícia boa é que é possível, sim, na maioria das vezes, resolver esses estragos. Abaixo, veja nove dicas para manter a “saúde” dos seus acessórios favoritos.

Lenços

A cada três meses, lave-os à mão, preferencialmente com sabão neutro e água morna ou fria (nunca quente). Se optar por deixá-los de molho – normalmente, isso não é necessário – faça-o por pouco tempo e trate de cada peça individualmente. Isto porque algumas desbotam e podem manchar os restantes artigos.

Não esfregue com força, pois algumas criações são extremamente finas e podem largar pequenos fios. Quando torcer, se possível, enrole o lenço dentro de uma toalha e torça para remover a água em excesso. Após a limpeza, seque-os à sombra e, se passar a ferro, coloque outro tecido por cima, para que não haja contacto direto com o ferro. Guarde-os de volta no armário, de preferência, em saquinhos separados.

Peças de couro ecológico

Uma vez por mês, aplique um hidratante nestas peças. Sim, isso mesmo, um hidratante. Embora alguns especialistas recomendem a vaselina, os cremes para a pele ou cabelo também são bastante eficazes. Pegue na peça, passe um pano húmido (e não encharcado) para remover o pó, deixe secar e, de seguida, comece a “massagem” com o seu produto de eleição. Não se esqueça dos cantinhos, alças, fechos etc. E atenção: nunca deixe este tipo de artigos ao sol, pois vão ressecar.

Peças em pele

Embora as pessoas raramente se lembrem disto, o couro é a pele de uma animal morto e, assim sendo, para se manter bonito. Para hidratar, assim como acontece com o couro sintético, é preciso aplicar um hidratante, que pode ser um creme de corpo neutro ou até mesmo um produto específico para este fim. Além disso, é importante manter as peças guardadas em locais secos – sem nenhuma humidade, para que a peça, literalmente, não mofe -, sem luz e calor, e esticadas (para não fazer vincos). Outra dica é guardar em capas de proteção, como algumas em TNT ou de tecido de algodão (as plásticas podem causar humidade e mofar, pois abafam).

Como normalmente as pessoas usam couro sobre outras roupas ou em acessórios, e não diretamente em cima da pele diretamente, as peças não precisam de ser lavadas constantemente. Porém, caso precisem, vale a pena investir numa lavagem profissional para não danificar. Se lavar em casa, siga as instruções das etiquetas internas, que especificam os produtos, bem como a forma de lavagem e secagem.

Bijuterias prateadas

Embora pareçam prata, no momento da higienização, é importante ter consciência de que não são. Aqui, o truque é usar uma borracha branca – sim, como as da escola. Como? Coloque a peça esticada em cima de uma toalha e vá esfregando a borracha, sem fazer muita força. Ela ficará imediatamente mais clara. Normalmente, este é um método utilizado em peças soldadas, que não se desmontam (como colares com elos abertos no fecho).

Também pode limpar as bijuterias, especialmente as foscas ou envelhecidas) com uma esponja e sabão de coco. Humedeça a esponja e aplique o sabão na parte áspera. Depois, repita o mesmo movimento da técnica anterior, mas com um pouco mais de força. Irá notar que o artigo vai perder o tom amarelado. Quando terminar, passe-o por água, para tirar o sabão, seque delicadamente com uma toalha e, depois, com o ar quente de um secador. Certifique-se de que não sobra nenhuma gota de água. Por fim, coloque-a em saquinhos individuais e guarde-a.

Bijuterias ouro velho

Lave as peças com sabão neutro e seque. De seguida, pegue numa palha-de-aço fininha e passe esfregue a peça, num só movimento. Ela não só vai ficar mais clara, mas também vai recuperar a cor original. Sublinho que esta técnica é apenas para peças envelhecidas – aquelas que já têm uns certos ‘arranhões’.

 Joias com ou sem pedras preciosas

Misture água morna e detergente neutro (também pode ser champô de bebé). Pegue uma esponja, molhe o lado macio nessa solução e passe, suavemente, sobre a peça. À medida que for fazendo movimentos contínuos, vai perceber que o artigo está a recuperar a cor original (tanto do metal quanto das pedras). Depois, enxague a peça em água à temperatura ambiente, ponha-a em cima de um pano limpo e macio e, com outro pano igual, vá secando cada cantinho.

Se a joia tiver algum tipo de perfuração, ou área onde possa acumular água, use um secador, mas apenas no modo de ar em temperatura natural, para eliminar o resto da humidade. Depois, use uma espécie de flanela para lustrar. Guarde num local seco e individualmente.

Joias em prata

Eu prefiro limpá-las à moda antiga, ou seja, mergulhando em água quente com sabão de coco e levando ao lume. Depois, basta usar o secador para remover toda a humidade. Aqui, também funcionam as técnicas adequadas para as bijuterias prateadas e sublinho que as joias em prata banhadas a ouro requerem os mesmos cuidados que as pratas.

Relógios

Se tem o hábito de usar um relógio, mesmo estando em casa, limpe-o sempre antes de guardar. Se a peça for de metal, passe um pano húmido para remover o suor, deixe secar e guarde. Caso a bracelete seja de couro, use o mesmo processo recomendado para artigos deste material. Já os modelos com braceletes de borracha podem ser limpos com um pano, água e sabão. Molhe o tecido, passe no relógio para remover qualquer gordura ou sujidade, deixe secar e guarde.

De sublinhar que estas sugestões são para o dia-a-dia ou para artigos que estiveram guardados por pouco tempo. Quanto aos relógios que estão guardados há muito tempo, e têm a parte de metal oxidada, sugiro que os leve a um local especializado.

Sapatos

Já reparou que, se ficar muito tempo sem usar uns sapatos, ele vão-se desfazendo? Isto acontece porque eles, literalmente, ressecam. A sola vai perdendo pedaços em cima e, dependendo do material, vai ‘descasca’. Neste caso, aplica-se a mesma regra dos outros couros, quer sejam naturais ou sintéticos. Mas e as solas? Por serem feitas, na maioria das vezes, de poliuretano, embora este seja um material resistente, pode acontecer uma reação química caso não sejam utilizados. A cada dois ou três meses, calce os sapatos e ande por casa. 

Dica extra: evite guardar bijuterias na casa de banho. Por causa dos banhos quentes, o vapor acaba por oxidar as peças. É o pior local para guardar estes acessórios.

Palavras-chave

Relacionados

Moda

12 visuais de influencers que mostram a versatilidade de uma camisa branca

Esta é uma das peças básicas que todas as mulheres devem ter no guarda-roupa.

Moda

5 mudanças que são definitivamente necessárias na moda a partir de 2021

Um artigo de opinião de Mônica Rosenzweig, designer de joias, sobre o impacto que a pandemia deve ter no mundo da moda.

Celebridades

Kate quebrou 'regra de moda' e é bem capaz de ter lançado uma tendência

A duquesa usou um visual considerado fora de época e provou que, no que diz respeito a moda, as regras foram feitas para serem quebradas.

Mais no portal

Mulheres Inspiradoras

Carmo Sousa Lara: "Às vezes, estamos muito agarradas ao reforço negativo"

A nossa primeira Conversa Inspiradora chega no dia 8 de março e é sobre o corpo. O corpo da mulher real. O corpo que ainda é poucas vezes capa de revista.

Imagem de Sucesso

Saiba como escolher os modelos de óculos de sol que mais valorizam o seu rosto

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso partilho algumas dicas para que escolher eyewear nunca mais seja uma dor de cabeça.

Moda

Os 8 tipos de cuecas que todas as mulheres devem ter

De modelos estilo biquíni as tangas clássicas, estas são as peças nas quais deve investir.

Comportamento

Mais de metade dos portugueses não se veem a viver sem carro

Seis em cada 10 portugueses consideram o automóvel insubstituível, mas em 2017 eram 8 em 10. A descida deve-se à crise pandémica.

Moda

Estas peças elegantes são ótimos investimentos para a primavera

Veja as sugestões que encontrámos nas lojas online da Zara, Mango e H&M.

Mulheres Inspiradoras

Guerra aos filtros: estas influencers mostram a beleza de peles reais

Depois do positivismo corporal, o movimento do "skin positivity" começa a ganhar cada vez mais força nas redes sociais.

Beleza

É suposto deixarmos passar algum tempo entre a aplicação dos produtos de skincare?

Trinta segundos? Sessenta segundos? Zero? Saiba o que dizem os especialistas.

Moda

Irina Shayk mostra como usar a tendência das calças de pele com visual rock 'n roll

A peça de eleição da modelo é de uma marca que as portuguesas conhecem bem.

Saúde

Estudo sugere que grávidas podem transmitir anticorpos contra a COVID-19 aos bebés

Uma investigação publicada recentemente pode ajudar (e muito!) na estratégia de vacinação das grávidas em todo o mundo.

Beleza

O erro que comete sempre que aplica o seu hidratante de rosto favorito

Existe uma forma muito simples de potencializar a eficácia dos produtos de skincare.

Beleza

Qual é o melhor contorno para o seu tipo de rosto?

Esclarecemos todas as dúvidas sobre como adaptar a técnica de maquilhagem aos seus traços.

Moda

Estas malas aparentam ser bem mais dispendiosas do que realmente são

Saiba o que procurar nas lojas para investir em artigos que são facilmente confundidos com peças de alta-costura.