@doctor.mike

O Dia Mundial do Doente foi instituído pela igreja católica em 1992 (após o diagnóstico da doença que viria a vitimar o Papa João Paulo II), com uma dimensão predominantemente espiritual e uma forte vocação caritativa. Em inglês, a designação é “World Day of the Sick”, e não Patient, ou seja, é mais uma referência à pessoa que sofre de uma doença do que ao doente enquanto utilizador dos serviços de saúde. Como tantas outras efemérides de origem religiosa, esta data tem potencialmente um alcance que ultrapassa o universo da fé e que acaba por coincidir com o da própria cultura. E até mais com o de uma cultura humanística do que com o de uma cultura estritamente médica (se esta existir sem aquela).

Em 2020, por esta mesma ocasião, falava-se de como seria um sistema de saúde que respondesse às expectativas, necessidades e valores dos doentes. Uma das mais importantes mudanças de paradigma das últimas décadas, em saúde, é o conceito de “Patient-Centered Care” (Cuidados Centrados no Doente). Resumindo o mais possível os princípios fundamentais deste modelo, ele preconiza: o acesso ágil e não discriminativo ao sistema de saúde; o respeito pelas preferências das pessoas e o seu envolvimento nas decisões (que só é verdadeiramente possível investindo numa estratégia de educação para a saúde); a integração de cuidados, ou seja, a articulação entre as equipas hospitalares e de cuidados primários, de modo a que a transição entre elas se faça sem perdas de continuidade, e procurando desviar o foco da prestação de cuidados dos hospitais para a comunidade, ou mesmo para a casa dos doentes; a priorização do conforto físico e do bem-estar emocional, com envolvimento da família em todas as fases do processo.

O que aconteceu desde esse dia 11 de fevereiro de 2020 – ou, mais concretamente, desde 2 de Março de 2020, data do primeiro diagnóstico de COVID-19 em Portugal?

Ninguém tem dúvidas de que houve uma deterioração do acesso a cirurgias, exames, consultas, urgências ou até mesmo a receituário crónico ou a contactos pontuais com os médicos assistentes. Foram também muito evidentes as quebras de continuidade e as dificuldades na transição e integração de cuidados entre hospitais e centros de saúde. A comunicação com os doentes e com as famílias sofreu o impacto das barreiras físicas, mas também das deficiências organizacionais. Muitas vezes as escolhas dos doentes foram menos informadas e mais baseadas num modelo tradicional, paternalista, em que é o médico que decide, ou então adiadas para melhores dias. Em suma, houve um desvio de esforços e de recursos para o combate à pandemia, que deixou em segundo plano alguns avanços que vínhamos fazendo em direção a um modelo Centrado no Doente. Passámos do dia mundial do doente para o ano mundial de uma doença.

Passou um ano. Do meu ponto de vista, não faz qualquer sentido orientar esta reflexão para o apuramento de responsabilidades, técnicas ou políticas, pelo agravamento das dificuldades no sistema de saúde. Dificilmente alguma estrutura sanitária suportaria a avalanche desta pandemia, e isso é visível pelo mundo fora. Esta doença chegou e vai aos poucos ocupar o seu lugar nas nossas vidas, entrar na rotina da prestação de cuidados, normalizar-se. Mais mês, menos mês, vai-nos permitir recentrar e voltar a definir prioridades. Gostaria que este dia fosse um ponto de partida para retomarmos o diálogo entre médicos, doentes e decisores em torno da construção de um projeto de saúde centrado nos doentes e nas necessidades dos doentes.

Era disto que estávamos a falar há um ano, não era?

Palavras-chave

Assine a ACTIVA e receba mais 6 meses grátis. Garanta uma boa leitura durante as suas férias e relaxe. Conheça todas as opções e não perca esta oportunidade. ASSINE AQUI

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Como a princesa Diana preferia passar o seu dia de aniversário

Como a princesa Diana preferia passar o seu dia de aniversário

JL 1348

JL 1348

Perfil: Quem é Tânia Reis, a advogada dos diabos

Perfil: Quem é Tânia Reis, a advogada dos diabos

Guia prático para preparar o seu jardim (ou varanda!) para o verão

Guia prático para preparar o seu jardim (ou varanda!) para o verão

Associação ambientalista quer chumbo de classificação verde para gás natural e energia nuclear

Associação ambientalista quer chumbo de classificação verde para gás natural e energia nuclear

Sara Prata partilha vídeo amoroso da filha a cantar tema

Sara Prata partilha vídeo amoroso da filha a cantar tema "Gaivota"

O que levou Charlene a chorar no dia do casamento com Alberto do Mónaco

O que levou Charlene a chorar no dia do casamento com Alberto do Mónaco

Isabela Valadeiro desfila elegância

Isabela Valadeiro desfila elegância

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Ford E-Transit em testes: Elétrico para toda a obra

Ford E-Transit em testes: Elétrico para toda a obra

8 artigos de moda que são à prova de tendências

8 artigos de moda que são à prova de tendências

Acidentalmente, foi registada a atividade cerebral de um homem nos seus minutos finais de vida e isso deu uma oportunidade única aos cientistas

Acidentalmente, foi registada a atividade cerebral de um homem nos seus minutos finais de vida e isso deu uma oportunidade única aos cientistas

Bolhas espaciais podem ajudar a combater as alterações climáticas, conclui estudo

Bolhas espaciais podem ajudar a combater as alterações climáticas, conclui estudo

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

ba&sh abre a sua primeira loja em Portugal e apresenta uma coleção de praia irresistível

ba&sh abre a sua primeira loja em Portugal e apresenta uma coleção de praia irresistível

F. C. Porto chega ao metaverso

F. C. Porto chega ao metaverso

Tabaco e álcool: Cientistas acreditam ter encontrado no cérebro as origens do vício

Tabaco e álcool: Cientistas acreditam ter encontrado no cérebro as origens do vício

O festival de Almada e os 30 anos de Vila do Conde

O festival de Almada e os 30 anos de Vila do Conde

Televisores inteligentes da Samsung já têm aplicação da Xbox

Televisores inteligentes da Samsung já têm aplicação da Xbox

A PRIMA gosta das cores de verão da Parfois, dos sabores frescos da Brigadeirando e da nova coleção da Joana Mota Capitão

A PRIMA gosta das cores de verão da Parfois, dos sabores frescos da Brigadeirando e da nova coleção da Joana Mota Capitão

Fotogaleria: Exame Informática powered by Peugeot no Oeiras EcoRally

Fotogaleria: Exame Informática powered by Peugeot no Oeiras EcoRally

Amazon Prime: é mais fácil cancelar o serviço na Europa

Amazon Prime: é mais fácil cancelar o serviço na Europa

Georgina Rodrigues elegante em desfile de luxo

Georgina Rodrigues elegante em desfile de luxo

Vencedores do Passatempo: fotografe o Peugeot e-208 no Oeiras EcoRally

Vencedores do Passatempo: fotografe o Peugeot e-208 no Oeiras EcoRally

Maria João Bastos com visual inspirado nos anos 50

Maria João Bastos com visual inspirado nos anos 50

4 técnicas que tornam o sexo mais prazeroso para as mulheres

4 técnicas que tornam o sexo mais prazeroso para as mulheres

A história do Ballett Gulbenkian

A história do Ballett Gulbenkian

Inspirações para relaxar

Inspirações para relaxar

Ecossintonia: quatro atrizes juntas na atitude sustentável

Ecossintonia: quatro atrizes juntas na atitude sustentável

Dez biquínis estampados para arrasar

Dez biquínis estampados para arrasar

Oceanos: Palau abre polémica criticando ONU por impedir membros de Taiwan na sua delegação

Oceanos: Palau abre polémica criticando ONU por impedir membros de Taiwan na sua delegação

Filipa Nascimento diz adeus a

Filipa Nascimento diz adeus a "Mel": "Despeço-me deste papel intenso para abraçar o papel da minha vida"

Matilde Breyner e Tiago Felizardo:

Matilde Breyner e Tiago Felizardo: "A nossa gravidez não evoluiu"