No Dia Mundial da Atividade Física, que se assinala a 6 de abril, lembre-se que antes de recomeçar a fazer exercício, deve consultar um médico, para não correr riscos.

Com mais convicção do que nas resoluções de Ano Novo, este período de confinamento provocou, na maioria das pessoas, uma vontade imensa de voltar a ser ativa, de praticar desporto, de perder aqueles quilinhos a mais. Ora, em Portugal, em que se estima que duas em cada três pessoas sejam sedentárias por não praticarem, pelo menos, 150 minutos de atividade física moderada por semana, esta “resolução” só pode ser encarada como uma excelente oportunidade. Será? Sim, sem dúvida, mas com algumas cautelas.

Sabe aquele carro que está imaculadamente guardado numa garagem há já uns anos? Sentir-se-ia seguro para, agora, pegar nele e fazer uma grande viagem, sem antes passar numa oficina para realizar uma revisão geral? Pois, é preciso ter cuidado… agora, pense nesse carro e compare-o com o seu corpo. Antes de recomeçar a fazer exercício ou a praticar desporto, consulte um médico, para efetuar um check-up desportivo preventivo.

Ao longo das últimas décadas, tem sido associada a prática regular de exercício físico a uma melhoria da saúde e à diminuição da mortalidade por causas cardiovasculares, entre outras. No entanto, a realização de exercício físico não é isenta de riscos. É, por isso, essencial garantir que tem as condições necessárias para a prática de exercício físico com segurança.

Ao realizar um check-up desportivo, poderá prevenir e reduzir o risco associado à ocorrência de eventos cardíacos na prática de exercício físico, bem como, identificar doenças ou lesões nos músculos e articulações que possam agravar com o exercício físico que pretende praticar. Segundo a American College of Sports Medicine, é recomendável efetuar um check-up desportivo anual, quanto se enquadrar em, pelo menos, duas destas situações: não praticar exercício físico há 3 meses ou mais; ter excesso de peso ou ser obeso; ser fumador ou ter deixado de fumar; história de doença cardiovascular ou diabetes; níveis elevados de colesterol ou hipertensão arterial; antecedentes familiares de patologias cardiovasculares ou de morte súbita.

Se começar ou retomar a prática de desporto foi uma das suas “resoluções” do confinamento, não adie a consulta médica ou a realização de exames por receio do Covid-19. Este receio não pode atrasar diagnósticos e tratamentos. Os hospitais e as unidades de saúde adaptaram-se, criando circuitos e protocolos para segurança dos doentes e familiares, profissionais de saúde e outros trabalhadores. Siga as recomendações e vai sentir-se seguro. Ao adiar uma avaliação médica, não está a cumprir com a sua “resolução”.

Palavras-chave

Mais no portal

Moda

Fomos espreitar as propostas da Primark e estes são os nossos 10 acessórios preferidos

Os acessórios must-have para os dias de calor

Moda

Quem disse que não há lugar para fatos num armário de primavera?

Dos tons neutros aos mais vibrantes; das silhuetas justas às oversized, é impossível resistir a estes 10 conjuntos coordenados.

Beleza

Cabelos: três tendências inspiradas nas Deusas do Olimpo

Confira as sugestões Jean Louis David.

Lifestyle

Aos fins de semana, há 'brunch' na Doca de Santo

Com vista para o Tejo.

Moda

Uns ténis para quem não tem medo de brilhar debaixo dos holofotes

Os novos ténis da marca Puma em colaboração com Dua Lipa

Celebridades

Harry aterra no Reino Unido sem Meghan e reencontra-se com o irmão

A propósito do funeral do avô, Philip.

Moda

Estas cinco combinações de cores são a definição de luxo

Quer dar mais cor ao seu guarda-roupa? Então, inspire-se nestes visuais que encontram equilíbrio em apostas inesperadas.

Moda

Parfois: 10 artigos imperdíveis em promoção

Confira as sugestões que selecionámos.

Saúde

Um beijo, três consequências para a saúde oral

O Dia do Beijo celebra-se anualmente a 13 de abril, e Portugal não foge aos festejos. Aqui ficam três consequências (boas e más) deste gesto de carinho na saúde oral.

Body Shaper

A receita caseira que combate três grandes preocupações estéticas das mulheres

No novo episódio da rubrica Body Shaper, partilho uma massagem que ajuda a eliminar a celulite, a má circulação e a retenção de líquidos.

Saúde

CDC declara racismo ameaça à saúde pública

A agência americana focou-se no impacto deste a nível físico e emocional.