@jackieaina

Os regressos – por vezes, felizes; por vezes, dolorosos – onde a ansiedade, os receios e medos começam a surgir, não podem controlar a nossa mente e comportamentos.

Regressar ao escritório não é novo e pode ser um fator positivo, no sentido em que permite rever os colegas e regressar à habitual azáfama do quotidiano profissional (da qual muitos já sentem saudades). Mas a mente pode ser traiçoeira, pois já está conformada com a rotina dos últimos meses e, como sabemos, sempre que surge alguma mudança, tende a complicar a adaptação.

A melhor forma de olhar para o regresso ao escritório é encará-lo como um desafio – e se é um desafio, é para vencer. Não será igual, mas certamente será especial. A verdade é que preparar a mente para regressar ao espaço físico pode ser mesmo um desafio para alguns.  Então, vamos preparar este recomeço de forma positiva?

  1. Reorganizar a agenda e horários. Acorde cedo e cuide de si antes de sair de casa. Estabeleça uma rotina: o horário de saída; as paragens, por exemplo, para levar os filhos à escola ou dar boleia a um colega; se vai de transportes, etc. Planeie tudo com antecedência para que nada se atrase.
  2. Velhas rotinas, novos hábitos. A mente facilmente retoma as velhas rotinas, ainda que com alguma diferença, por conta das medidas em vigor. Lembre-se de que, apesar das medidas estabelecidas pela DGS, é possível conversar com colegas, partilhar as experiências, as dificuldades e o que cada um aprendeu, e podem, agora, acrescentar levar essas mais-valias para o escritório.

  3. Ansiedade e medo. Não crie grandes expectativas e encare o medo como uma preparação, para não se descuidar nem falhar os compromissos próprios e com os colegas. A ansiedade é controlada a viver o presente, em reagir perante as adversidades que vão aparecendo. Não deixe dúvidas por esclarecer antes de regressar. Se sentir o stress a acumular, faça cinco respirações profundas e perceberá que a mente e o corpo ficam mais calmos e tranquilos.

  4. Partilhar momentos. Na pausa, ou durante o serviço, procure saber como cada colega passou os últimos tempos: as peripécias, os desafios, os filhos e a família, e partilhe o que sentiu. Existem vários assuntos a explorar para descontrair e descansar um pouco a mente. Além disso, está comprovado que os 10 minutos de pausa ajudam no aumento da produtividade e bem-estar… Então, não abra mão deles.

  5. Não fazer tudo num dia. Entre com calma. O que se comprometer a fazer, faça com consciência. É mais produtivo preparar o local de trabalho, estar com os colegas e ir fazendo as tarefas, pois o descontrolo sobre prazos pode levar a picos de stress que terão resultados negativos a médio prazo.

  6. Finalizar o dia. No regresso a casa, ou já em casa, estabeleça cinco minutos de relaxamento: oiça a sua música, beba um chá ou mesmo aquele copo de vinho e reveja o dia. Guarde apenas o melhor de cada dia e estabeleça uma barreira profissional. Não pense mais no que aconteceu ou como foi, desligue o trabalho. Em casa, durante as folgas e aos fins de semana, é tempo de dedicar-se a si e à sua família. Não dispense o lazer pois é fundamental para uma mente saudável.

Estes hiatos e rotinas fazem parte da pirâmide do sucesso, que, quando realizada durante vários dias sequenciais, apresentam resultados extremamente positivos – a nível profissional e pessoal.

Palavras-chave

Leia 6 meses GRÁTIS

Este verão assine a ACTIVA, CARAS, CARAS DECORAÇÃO, entre outras publicações do grupo Trust in News, por 1 ano e receba 6 meses de leitura grátis. Conheça todas as opções, incluindo as versões digitais. ASSINAR

Relacionados

Diz Quem Sabe

As especificidades da saúde mental feminina - e como protegê-la

Estudos realizados denotam que as mulheres estão a sofrer mais com a pandemia, ao mesmo tempo que também são quem demora mais tempo a procurar ajuda.

Diz Quem Sabe

O impacto da automotivação nos relacionamentos amorosos

"Quando um casal tem os mesmos valores, as prioridades e os objetivos passam a ser os mesmos. E só assim a relação funciona, flui". Um artigo de opinião assinado pela mental coach Joana Freitas.

Diz Quem Sabe

Desconfinar: 5 dicas para gerir a ansiedade

"Dúvidas, receios, o stress de ter de gerir tudo de novo, as saudades e o aperto no coração ao deixar os filhos na escola. Sentir tudo faz parte do processo"

Mais no portal

Moda

Esta tendência de swimwear improvável favorece peitos pequenos

Deixamos esta e outras sugestões para valorizar a área nas suas próximas idas à praia.

Saúde

4 bons motivos para começar a comer mais uvas

A sua saúde agradece.

Comportamento

Eis o que fazer quando se sente tentada a mentir

De acordo com uma psicóloga.

Imagem de Sucesso

Dicas para fazer as melhores compras em época de saldos

Este é o tema do novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso.

Lifestyle

Estes casinos estão prestes a reabrir

Saiba quando os poderá visitar.

Mulheres Inspiradoras

Condessa D’Edla: a segunda mulher de D. Fernando II, que era artista e não agradava ao povo

A produção de capa da ACTIVA de agosto, protagonizada por Júlia Palha, foi fotografada num chalet conhecido como o "Chalet da Condessa”. Conheça a história desta mulher fascinante.

Saúde

Levantamento das restrições: um teste à eficácia da vacina para a COVID-19

Um artigo de opinião assinado pela Dra. Laura Brum, virologista dos Laboratórios SYNLAB.

Moda

Estes básicos da H&M prometem 'fazer bonito' em qualquer ocasião

Estas sugestões são bonitas, intemporais e surpreendentemente acessíveis.

Celebridades

Este foi o visual de gala preferido de Kate Winslet

A atriz caracterizou o vestido como "uma escultura bordada".

Saúde

O DIU pode causar queda de cabelo?

Saiba se tem alguma relação.

Comportamento

Psicóloga explica como perceber as diferenças entre amor e luxúria

A luxúria pode levar ao amor, mas eles não são a mesma coisa.

Celebridades

Anna Faris casou-se em segredo

A atriz e Michael Barrett namoram desde 2017.