RoyalCanin-460x699px.jpg

À medida que envelhece, os rins do seu gato perdem gradualmente a capacidade de filtrar o sangue. Numa fase avançada, os produtos resultantes da digestão, que normalmente são eliminados pelos rins (por exemplo, a ureia), acumulam-se no sangue e tornam-se tóxicos.

No passado, acreditava-se que um alimento com baixo teor proteico podia evitar o aparecimento da doença renal, mas atualmente sabe-se que não é necessário restringir o nível proteico na alimentação de um gato sénior saudável. Os gatos são carnívoros estritos e necessitam de grandes quantidades de proteína para produzir energia. Se o seu gato não ingerir proteína suficiente no alimento, ele irá começar a utilizar a sua própria proteína muscular. A restrição proteica é desnecessária, a não ser que o seu médico veterinário tenha diagnosticado uma doença renal.

O fósforo é o primeiro elemento que tende a acumular-se no sangue quando os rins não estão a funcionar bem. Numerosos estudos demonstram a importância de restringir o teor de fósforo no alimento de um gato sénior. Se o seu gato tiver níveis normais de fósforo no sangue, ele será mais saudável.

A doença renal crónica é a principal causa de morte dos gatos seniores. Os sinais de doença renal crónica normalmente aparecem nas fases mais avançadas da doença (quando cerca de dois terços dos rins perderam a função) e nem sempre são fáceis de detetar.

Verifique os hábitos de consumo do seu gato: se ele beber mais do que o habitual e a areia estiver mais húmida do que o normal, pode ser um sinal que os rins estão a perder a capacidade de concentrar a urina. Também pode ocorrer diminuição do apetite, perda de peso e diminuição da atividade. O mau hálito pode ser o resultado da acumulação de toxinas urémicas no sangue.

Como o seu gato tem mais de 7 anos, tente levá-lo o seu gato ao médico veterinário pelo menos duas vezes por ano. Quanto mais cedo um problema for diagnosticado, maior será a esperança de vida do seu gato. Se a doença renal ainda não for grave, um alimento adaptado pode ajudar imenso a melhorar a qualidade de vida do gato. Por outro lado, se o problema for diagnosticado tardiamente (quando já existem sintomas resultantes da acumulação de toxinas urémicas no sangue), a esperança de vida do gato pode ser encurtada.

O espaço Nutrição-Saúde é para si. Pode enviar as suas dúvidas sobre a alimentação do seu gato ou do seu cão para nutricaosauderoyalcanin@gmail.com. Vamos procurar responder à sua questão.

 

Mais no portal

Saúde

Corte estes alimentos à noite para perder peso

E dormir melhor!

Beleza

O que fazer ao cabelo nos dias quentes? Aqui ficam 30 sugestões

Para todos os comprimentos e texturas.

Comportamento

O tipo de parceiro que as mulheres escolhem é influenciado pela vinculação pai-filha

Quem sai aos seus... procura parceiros iguais aos pais, quer isso seja bom ou mau.

Moda

As peças que importam para montar um armário cápsula de verão

Uma proposta que deixa o guarda-roupa com menos peças e extremamente prático.

Beleza

Unhas: a tendência inesperada que vai estar em todo o lado no verão

Não só dizemos qual é, mas mostramos várias formas de torná-la sua.

Celebridades

Entre na mansão de sonho que Anitta comprou em Miami

Conheça os cantos à casa.

Comportamento

Os quatro mandamentos para superar desilusões

De acordo com uma especialista.

Activa Brand Studio

Passatempo 'Prepare-se para o verão' com a ACTIVA e a SVR

Saiba como é fácil participar.

Comportamento

O amor à primeira vista existe mesmo? Eis o que diz a ciência

A resposta pode surpreender.

BeYoga

BeYoga: exercícios para libertar a tensão na zona lombar

O desconforto na zona inferior da coluna vertebral tira-nos energia. Libertando todas as tensões da zona lombrar sinta-se pronta a abraçar cada movimento do seu corpo.

Comportamento

5 passos para esquecer um ex de uma forma saudável

Estes são os conselhos de uma psicóloga.