469826015.jpg

william87

Não é que a nossa intuição e convivência com o melhor amigo do Homem precise de estudos que o comprovem – afinal, já lá vão 30 mil anos de domesticação e basta olhar para o seu cão, quando chega a casa, para perceber que se há ser vivo que a ama, aquele é provavelmente um deles. 

Mas alguns estudos científicos recentes vieram apresentar evidências muito interessantes sobre como funciona o cérebro canino, no que toca a processar a relação com os seus amigos bípedes, 

Cientistas da Universidade de Emory, nos EUA, treinaram cães para se manterem quietos em máquinas de ressonância magnética, e usaram estes aparelhos para medir a resposta neurológica dos animais ao cheiro de humanos e de outros cães, ambos os grupos integrando indivíduos conhecidos e desconhecidos. O olfato é essencial na forma como os cães processam o mundo à sua volta, por isso, a equipa de investigadores partiu da premissa de que esse sentido teria algo a dizer-lhes sobre as formas de interação social canina. 

A pesquisa concluiu que os animais preferem o cheiro dos seus donos e que este ativa o centro de recompensa nos seus cérebros. Os cães dão-lhe mesmo prioridade acima de outros cheiros potencialmente importantes, como os da sua própria espécie.

Um outro estudo, de uma universidade romena, citado pelo site Mic.com, quis medir a resposta de cães e humanos a diferentes tipos de sons emitidos por ambas as espécies – vozes, suspiros, ladrar ou outro tipo de vocalizações emitidas por outros cães. Descobriram que, em ambos, a parte do cortex cerebral dedicada ao processamento auditivo fica mais ativa em resposta a sons alegres. Attila Andics, um dos responsáveis pela pesquisa, explicou ao Mic.com que os cães interagem socialmente com os donos de uma forma muito similar à dos bebés humanos para com os pais, recorrendo a eles sempre que estão com medo ou preocupados (sim, leu bem: preocupados). Gatos ou cavalos tendem a fugir, quando confrontados com essas situações. 

Andics recordou ainda estudos feitos na última década, que mostram que os cães são o único animal não primata que procura contacto visual direto com humanos, apesar de não o fazerem com os seus progenitores biológicos. Os seus primos mais próximos, os lobos, não o fazem, nem mesmo quando são domesticados. Segundo Andics “a relação com os humanos é muito mais importante para os cães do que para outros animais domésticos.”

No entanto, outras reações que parecemos ‘ler’ na expressões caninas, como aquele olhar de ‘culpa’ quando fazem disparates, devem-se apenas à tendência humana de lhes atribuirmos emoções que reconhecemos em nós, mas que podem não significar o mesmo para os cães. Esse aparente ‘sentimento de culpa’ implicaria uma noção de autoconsciência que eles, muito provavelmente, não possuem, concordam os especialistas em comportamento animal.

Relacionados

Lifestyle

Saiba mais sobre a nova lei de proteção dos animais

Sara Calisto e Cristóvão Norte falaram com Ana Rita Clara sobre uma lei que defende melhor os direitos dos animais (criminaliza, por exemplo, os maus tratos),  mas que ainda gera muitas questões. Veja o vídeo e esclareça as suas duvidas.

Lifestyle

Espaço Nutrição-Saúde para Gatos e Cães: problemas articulares nos cães

"Tenho uma cadela Golden que faz para o próximo mês 10 anos. Ela começa agora a ter dificuldade nas patas traseiras para se levantar e já vê mal, normalmente come comida Royal Canin para goldens, devo continuar a dar esta comida ou sugere outra?"

Lifestyle

Espaço Nutrição-Saúde para Gatos e Cães: Cuidados especiais com o estômago de Rottweilers

"Quando comprei o meu Rottweiler, o criador disse-me para ter cuidado com a dilatação e torção do estômago. Andei a fazer algumas pesquisas sobre este assunto, mas não fiquei totalmente esclarecido. Gostava de saber a vossa opinião de como posso prevenir esta situação."

Mais no portal

Moda

Fomos espreitar as propostas da Primark e estes são os nossos 10 acessórios preferidos

Os acessórios must-have para os dias de calor

Moda

Quem disse que não há lugar para fatos num armário de primavera?

Dos tons neutros aos mais vibrantes; das silhuetas justas às oversized, é impossível resistir a estes 10 conjuntos coordenados.

Beleza

Cabelos: três tendências inspiradas nas Deusas do Olimpo

Confira as sugestões Jean Louis David.

Lifestyle

Aos fins de semana, há 'brunch' na Doca de Santo

Com vista para o Tejo.

Moda

Uns ténis para quem não tem medo de brilhar debaixo dos holofotes

Os novos ténis da marca Puma em colaboração com Dua Lipa

Celebridades

Harry aterra no Reino Unido sem Meghan e reencontra-se com o irmão

A propósito do funeral do avô, Philip.

Moda

Estas cinco combinações de cores são a definição de luxo

Quer dar mais cor ao seu guarda-roupa? Então, inspire-se nestes visuais que encontram equilíbrio em apostas inesperadas.

Moda

Parfois: 10 artigos imperdíveis em promoção

Confira as sugestões que selecionámos.

Saúde

Um beijo, três consequências para a saúde oral

O Dia do Beijo celebra-se anualmente a 13 de abril, e Portugal não foge aos festejos. Aqui ficam três consequências (boas e más) deste gesto de carinho na saúde oral.

Body Shaper

A receita caseira que combate três grandes preocupações estéticas das mulheres

No novo episódio da rubrica Body Shaper, partilho uma massagem que ajuda a eliminar a celulite, a má circulação e a retenção de líquidos.

Saúde

CDC declara racismo ameaça à saúde pública

A agência americana focou-se no impacto deste a nível físico e emocional.