Chega aos cinemas esta quinta-feira, dia 5, a nova aposta da Disney em parceria com a Pixar. “Bora Lá” inspira-se nos grandes contos épicos e nas histórias de elfos, fadas, trolls e outros seres fantásticos. Contudo, remete esses elementos para uma realidade mais próxima da nossa. A magia foi ultrapassada pela tecnologia, quase como numa chamada de atenção ao nosso esquecimento das tradições e da sabedoria popular.

Ian é o grande protagonista desta aventura. Um jovem estudante muito reservado que se encontra no seio de uma família muito peculiar. O irmão mais velho é considerado excêntrico por ser defensor de crenças muito próprias. A mãe é o pilar desta estrutura, que agarra tudo com alegria e reencontrou o amor ao lado de um polícia que não tem a total aprovação dos filhos. O pai é sempre visto com saudade, tendo em conta que morreu pouco antes de Ian nascer.

A esperança de ter uma oportunidade de finalmente conhecer o pai graças à magia faz Ian iniciar uma demanda que o coloca à prova. Ao longo desta aventura, vemos a personagem a conhecer melhor os seus pontos fortes, ao mesmo tempo que se confronta com fragilidades que queria evitar. Mas o mais agradável é mesmo o desenvolvimento da relação entre o protagonista e o irmão mais velho.

É que mais do que uma aventura divertida para toda a família, “Bora Lá” é um filme sobre a importância da família. Mesmo quando todos os elementos parecem tão diferentes. O amor fraternal é o grande tema desta película, que nos inspira a sermos melhores por quem amamos, de forma a que estes também possam evoluir positivamente.

Uma película que arranca gargalhadas ao mesmo tempo que nos faz sair da sala de cinema com vontade de abraçar os que mais amamos. 

Sinopse:
Quando os dois irmãos elfos adolescentes, Ian e Barley Lightfoot (vozes de Tom Holland e Chris Pratt na versão original) têm a oportunidade inesperada de passarem mais um dia com o seu falecido pai, embarcam numa extraordinária demanda, a bordo de Guinevere, a histórica carrinha de Barley. Como em qualquer boa missão, esta aventura estará repleta de magia, mapas enigmáticos, obstáculos impossíveis e descobertas inimagináveis. Mas, quando Laurel (voz de Julia Louis-Dreyfus na versão original), a mãe destemida dos dois rapazes se apercebe que os seus filhos estão desaparecidos, junta-se a uma ex-guerreira que é um misto de leão, morcego e escorpião, conhecida como A Manticora (voz de Octavia Spencer na versão original), e parte para os encontrar. Feitiços à parte, este dia único e mágico pode significar mais do que alguma vez sonharam. 

Palavras-chave

Mais no portal

Celebridades

Simon Cowell no hospital após acidente de bicicleta

O jurado do 'America´s Got Talent' está no hospital.

Lifestyle

Unique Sushi Lab: onde comer é sempre uma (boa) surpresa

O restaurante que os amantes de sushi têm de conhecer e que ér capaz de converter mesmo os mais desconfiados em fãs da culinária japonesa. A culpa é do chef Johnny Keep.

Moda

"Eco friendly', portuguesa e trendy: esta é a marca de denim que tem de conhecer

A loja online da My Fair by Just.O disponibiliza ainda alguns best sellers da coleção primavera-verão de 2020, como o Curry Hoddie ou o camisolão oversized.

Beleza e Saúde

Aprenda a recriar esta maquilhagem perfeita para um "date" de verão

Na rubrica Beauty Spot desta semana, partilho o tutorial de um visual simples para um encontro romântico.

Beleza e Saúde

#ActivaEmCasa. O treino da semana do CrossFit Cais

Mais uma segunda-feira, mais um circuito de exercícios preparado pela personal trainer Susana Carromeu.

Moda

10 artigos da Zara que vão arrasar em qualquer destino de férias

Estes visuais prontos a usar prometem fazer furor nos seus dias de descanso.

Moda

Encontrámos as Havaianas perfeitas para dar brilho ao verão

Se é fã da famosa marca brasileira e gosta de dar um toque de brilho a tudo o que faz, vai delirar com esta novidade.

Lifestyle

6 dicas para viajar de carro tranquilamente com crianças

"Estou com fome! Quanto chegamos? Preciso de fazer xixi!" Viajar com crianças durante um longo período de tempo pode ser um verdadeiro pesadelo.

Beleza e Saúde

Afinal, o que é uma "depressão de baixo grau"?

Recentemente, Michelle Obama fez um desabafo sobre a sua saúde mental. Entenda o que se passa com a antiga Primeira-dama dos Estados Unidos.

Celebridades

Michelle Obama admite que sofre de uma "depressão de baixo grau"

A pandemia aliada a todo o clima de tensão que se vive nos Estados Unidos afetou a saúde mental da antiga Primeira-dama do país.

Celebridades

Daisy Coleman, de documentário da Netflix sobre abuso sexual, morre aos 23 anos

O caso da jovem, que se tornou uma defensora das vítimas de violação, é retratado numa série documental do serviço de streaming.

Lifestyle

Estes podem ser os motivos para continuarmos a ver filmes para adolescentes

Sim, tenho mais de 30 anos e por vezes vejo (e revejo) filmes com histórias para adolescentes. Mas sei que não sou a única!

€2,95 por edição 20% desconto  

Assine já!

Papel