Como vos contei há uns tempos, ganhei uma certa rotina de treino durante a quarentena. Disse-vos, também, que já regressei ao ginásio. Contudo, como a maioria das pessoas (creio), sinto alguma dificuldade em treinar antes do trabalho. Isto porque me falta a motivação para largar o meu colchão uma hora mais cedo.

Quando morava em Lisboa, costumava fazer a minha caminhada matinal até ao ginásio e ia treinar bastante cedo. Sempre adorei! Para mim, as manhãs sempre foram mais produtivas do que os finais de dia. Contudo, com algumas mudanças de rotina, foi-me sendo difícil acordar mais cedo e as idas ao ginásio foram ficando para o pós-trabalho.

Esta semana, decidi dedicar cerca de meia hora ao exercício físico logo após acordar, para ver que diferenças notava no meu dia. Porém, em vez de ir ao ginásio, optei por fazê-lo em casa para não atrasar trabalho. Não vou mentir e dizer que foi facílimo acordar antes do habitual – deixei o despertador tocar quase meia hora – e admito que, quando pus os pés fora da cama, quase me arrependi.

Estava tão cansada que tudo o que me apetecia era voltar para debaixo dos lençóis e não ir transpirar em frente da televisão. Mas fui – e só tenho a agradecer a esta rubrica semanal por isso. Caso contrário, talvez não tivesse tido motivação para tal. Pode-se dizer que tive #cartabranca para ser uma pessoa mais saudável.

Bom, procurei um treino intenso e fiz 15 minutos de cardio que me deixaram de rastos. Depois, encontrei um vídeo de exercícios menos “pesados” e complementei o primeiro treino com outros 15 minutos, mas mais calmos. Posso dizer-vos que, assim que comecei a transpirar, o cansaço com que me tinha levantado já era. Senti-me desperta e cheia de energia.

Passada esta meia hora – que voou -, fui tomar banho. E que diferença! Nada paga o cansaço (bom) depois de um treino, complementado com um duche. Vesti-me e sentei-me à frente do computador com o meu pequeno-almoço. As principais mudanças? O primeiro impacto foi sentir bastante mais fome que o habitual. Isto porque decidi não comer nada antes do treino, apenas fui bebendo água.

Depois, senti-me mais atenta e produtiva. O facto de ter feito exercício, tomado banho e vestido algo que não um pijama ou fato de treino fizeram toda a diferença. Não posso falar por todas as pessoas, obviamente, mas, pela minha experiência, gastar energia logo pela manhã acaba por me deixar sempre com muito mais energia ao longo do dia.

Acima de tudo isto, sinto-me, sem dúvida, mais alegre. As pequenas tarefas, sejam profissionais ou domésticas, ganham outra leveza. No fundo, sinto-me mais “capaz” ao longo do dia, sempre que as minhas manhãs são movimentadas. E não podia fazer nada senão aconselhar-vos a dar (ou voltar a dar) uma chance a esta rotina.

A que horas costumam treinar e quando se sentem mais produtivas? Contem-nos as vossas experiências nas redes sociais. Identifiquem a ACTIVA e utilizem a hashtag #cartabranca. Até para a semana e bons treinos!

Palavras-chave

Mais no portal

Moda

Perdemos a cabeça com estes descontos da Mango

E selecionámos os nossos favoritos.

Beleza e Saúde

Aproveite a Black Friday para dar uma nova vida à sua pele

Mime-se com estas sugestões.

Comportamento

Está na hora de "Dizer Não"

Conheça a campanha que assinala o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres.

Celebridades

Christina Perri perde a filha no terceiro trimestre da gravidez

Após anunciar que poderia ter de antecipar o parto.

Lifestyle

A astrologia parece ter uma explicação para os assassinos em série

E tem tudo a ver com um planeta.

Beleza e Saúde

Escócia torna-se o primeiro país do mundo a tornar produtos menstruais gratuitos

A medida foi aprovada sem votos contra ou abstenção.

Lifestyle

Nunca é tarde para organizar a vida financeira. Saiba por onde começar

Elas vão fazer toda a diferença! Conheça-as no novo episódio da rubrica Finanças de A a Z.

Celebridades

Kate Hudson revela aquilo que não tolera que os filhos façam

A atriz garantiu ser uma mãe rígida.

Lifestyle

Livro da semana: "A Odisseia de Baldassare" mostra como caminho pode ser mais importante que o destino

Um livro de Amin Maalouf, publicado pela Marcador.

Lifestyle

Campanha Black Friday para assinar a ACTIVA com os melhores descontos

Histórias de mulheres inspiradoras, sugestões de moda e acessórios, ideias de presentes de Natal, dicas de beleza... A Activa é isto e muito mais. E agora pode assiná-la poupando até 65%.

Beleza e Saúde

É possível estar grávida e menstruada em simultâneo?

Entenda melhor a questão que gera grande controvérsia.