A partir de 16 de novembro, a marca Latitid alia-se à Liga Nacional Contra a Fome numa campanha solidária, mais do que nunca necessária, devido ao contexto da pandemia e à forma como agravou as dificuldades de tantas famílias portuguesas. E o cenário tende a pior, sendo que algumas projeções mostram que, no final do ano, a covid-19 causará um número maior de mortes diárias por fome do que pela infeção pelo vírus. Segundo um recente relatório da ONU, a pandemia pode vir a afetar mais 130 milhões de pessoas com fome crónica até ao final de 2020.

Utilizando as suas lojas de Lisboa e Porto, habitualmente encerradas no Inverno, a Latitid abre assim as suas portas à solidariedade, transformando durante um mês os seus espaços num centro de recolha de alimentos, que vão reverter a favor da Liga Nacional Contra a Fome. O objetivo é que os espaços da marca sirvam de ponto de entrega dos alimentos mais necessários [ver lista abaixo] que serão depois distribuídos para quem mais necessita através da LNCF, seguindo todos os procedimentos e trâmites habituais.

“Esta iniciativa é a forma de a Latitid devolver à comunidade tudo o que têm feito uns pelos outros e também pela marca até hoje. Queremos ser uma marca com impacto e relevância na vida das pessoas, o que passa por estarmos atentas às necessidades reais e utilizarmos a nossa influência e rede de contactos com a realização de projetos que podem provocar efetivamente uma diferença. Com toda a informação a que temos acesso nos dias de hoje, é imperativo passarmos da teoria à prática e agir em conformidade com os nossos valores.” – Marta Fonseca, Latitid

A Liga Nacional Contra a Fome é uma IPSSque ao longo de 26 anos tem levado a cabo vários Programas de combate à fome no, Porto, Gondomar e Coimbra, onde dispõe de delegações e onde está integrada nas respetivas redes sociais. Atuando para ajudar os que se encontram em situações mais desfavorecidas e desprotegidas, a Liga apoia essencialmente sem abrigos e idosos. Diariamente serve cerca de 60 refeições e distribui mensalmente 60 cabazes alimentares, para todos os que recorrem aos seus serviços em busca de um suporte para condições de vida dignas.

“A Liga Nacional Contra a Fome agradece à Latitid a iniciativa de apoio à nossa instituição através da recolha de bens alimentares que vai decorrer entre o dia 15 de novembro e 15 de dezembro na cidade de Lisboa e na do Porto. Este gesto é uma mais-valia para os nossos utentes, que vai colmatar a escassez de bens alimentares com que nos deparamos nos últimos tempos de pandemia. Foi com muito agrado que recebemos a proposta de colaboração da Latitid. O nosso muito obrigado por este gesto de fraternidade.” Gaspar Vieira Pereira Pessoa, presidente da Liga Nacional Contra a Fome.

As lojas Latitid continuarão a funcionar em paralelo à recolha alimentar: em Lisboa, terão portas abertas de segunda a sábado do 12h às 20h e aos domingos das 11h às 19h (com exceção do dia 21 e 22 – horário 10h às 13h), enquanto no Porto a loja está disponível das 10h as 14h30. Entre a lista de alimentos mais necessários estão óleo, azeite, arroz, massas, enlatados (atum, feijão, grão, etc), cereais, polpa tomate e bolachas.

Palavras-chave

Mais no portal

Beleza e Saúde

Cabelos: Risco ao meio ou de lado? A melhor opção para cada formato de rosto

A forma como reparte o cabelo pode mudar muito o seu visual - num cenário ideal, sempre para melhor. Saiba como valorizar o seu rosto.

Comportamento

5 formas de ultrapassar momentos menos bons

De acordo com vários especialistas.

Beleza e Saúde

O resultado de uma semana sem qualquer tipo de exercício físico

Para qualquer adepto de um estilo de vida ativo, estar parado é um verdadeiro desafio. E foi assim que encarei esta semana.

Lifestyle

Saiba como fazer a deliciosa salada de espinafres de Julie Deffense

Simples e deliciosa.

Beleza e Saúde

Chiara Ferragni mostra-nos como o azul com glitter resulta sempre para fazer os nossos olhos brilhar

A influencer criou novamente uma coleção com a Lancôme, em que o glitter é a aposta.

Moda

O vídeo que nos fala de Paris, de mulheres e do que acontece quando se trocam duas malas

Esta produção é uma viagem ao mundo das mulheres parisienses com toda a emoção e “joie de vivre” da cidade de Paris.

Beleza e Saúde

Não vai acreditar com que idade Halle Berry teve o primeiro orgasmo

A confissão da atriz veio surpreender o público.

Moda

Esta é a prova de que o 'nightwear' pode ser usado o dia todo

Seda, cetim ou caxemira?

Beleza e Saúde

Quando deve anunciar a gravidez?

A norma é que se ultrapasse a meta das 12 semanas. Mas será que é mesmo preciso?