Não há volta a dar: o olhar fica de imediato preso ao teto e ao extraordinário tapete amarelo que inverte a ordem das coisas. Não é um tapete, claro, mas, como compreendemos a um olhar mais atento, é um mar de espigas suspensas sobre as nossas cabeça. Não está ali por acaso. É mais um sinal para nos ajudar a entrar no espírito do Libertà, o restaurante italiano em que nada é o que estamos à espera – e isso é bom.

O Libertà é o primeiro espaço físico do coletivo de cozinhas Lisbon Street Kitchen (LSK), depois do lançamento do restaurante virtual Pescatore. Sob o mote “Unconventional Italian Kitchen”, aqui encontramos um local descontraído, mas trendy, a combinar com uma cozinha contemporânea, atrevida e pouco convencional. O peso da responsabilidade recai sobre os ombros do chef italiano Silvio Armanni, que se deixa levar pela sua criatividade trabalhando produtos de excelência e construindo uma carta em que os clássicos andam a par com visões mais jovens da gastronomia deste país. “Quando se tem um restaurante italiano fora de Itália tem-se um grande desafio nas mãos, é preciso olhar para os clássicos, claro, explorar a autenticidade e usar o melhor produto sempre”, explica Silvio, que esteve quase oito anos na Ásia dividido entre Xangai, Tóquio — aqui com o estrelado Luca Fantin — e Hong Kong, onde ganhou uma estrela Michelin à frente do restaurante Octavium em 2019, distinção que manteve no ano seguinte Agora, a cozinha do Libertà é dele e que bom que a criatividade anda à solta.

A visão do chef está em consonância com a de Alykhan Popat, fundador do LSK: “Cresci com uma perspetiva muito alargada da vida, com ligações à Europa, África e Ásia. Tornei-me numa ‘pessoa do mundo’ e a indústria da restauração tornou-se numa vocação, sobretudo com os novos modelos de cozinhas virtuais. Queríamos combinar o nosso amor pela hospitalidade e cultura para criar um projeto único e inovador, o Lisbon St. Kitchen”, começa por explicar. “Fazia sentido que tivéssemos também um espaço físico. Tenho muita afinidade com Itália e a sua gastronomia, e por isso criamos um restaurante italiano com um menu focado na sazonalidade e originalidade, sem nos desviarmos dos pilares tradicionais da cozinha italiana.”

O resultado? Um menu eclético, personalizado e capaz de nos surpreender.

Ora aqui ficam seis provas:

  1. A pasta fresca

Se há algo que é honrado no Libertà é a herança da pasta italiana. Aqui á pasta é fresca, feita pelo chef no restaurante e tem um lugar destacado na carta, ou não estivesse intimamente ligada às memórias de infância de Silvio, que, conta, em criança era chamado a casa da sua avó para ser “o motor da máquina da massa”. Dúvidas houvesse, o desafio é que as tire a todos ao provar o Casoncelli alla Bergamasca (15,50 euros), um prato típico de Bérgamo, onde o chef nasceu, feito com ravioli recheados com carnes, pancetta crocante, sálvia, manteiga e parmesão, que grita ‘confort food’. Os pratos clássicos estão bem representados no Spaguetti al Pomodoro (12 euros), servido com burrata, ou no Tagliatelle di Coniglio alla Genovese com ragu de coelho, azeitonas, pinhões e tomilho. Arrojado é o  Cavatelli (aquelas  pequenas conchas de massa feitas de sêmola) al Frutti di Mare (22 euros), confecionado com camarões, lulas, mexilhões e peixe do dia.

2. O peixe

Bem fresco e saboroso, no Libertà o chef privilegia acima de tudo o peixe selvagens com o objetivo de garantir o sabor e o respeito pelo meio ambiente. Basta provar o Robalo selvagem com puré de raiz de aipo, espinafres e óleo de peixe e funcho (23 euros) para se ficar convencido.

3. A partilha

No espírito mediterrâneo, comer é também partilhar e, obedecendo à regra a esse princípio tão do Sul, encontramos dois pratos ideais para duas pessoas: a Cotoletta a la Milanese (44 euros) – costeleta de vitela panada com batatas assadas, maionese caseira e salada, e o Carré di Maiale Ibérico (38 euros), um Carré de Porco Assado, cozinhado lentamente e servido com chalotas confitadas, batatas e e legumes.

4. Os antipasti e chicchetti


No menu, para começar a experiência, não ficam esquecidos os chicchetti e antipasti, outra forma de dizer ‘entradas’, mas na língua italiana. Destaque para a criativa Bruschetta em pão alentejano da Gleba com beringela agridoce e manjericão (6,5 euros), para a provocante Focaccia Farcita (8,5 euros), com burrata e mortadela de pistacho, ou a destemida Focaccia di Recco (5 euros), muito fina e recheada com queijo stracchino. Há ainda o sofisticado Tartare di Manzo (17 euros), bife tártaro com stracciatella de búfala, tomate seco e vinagre balsâmico tradicional de Modena D.O.P, envelhecido por 12 anos. Impossível passar em branco o Fritto Misto (14,50 euros), um tempura de camarão, lulas e legumes, e o refrescante Crudo di Ricciola (18,50 euros) – lírio cru marinado com salada de funcho e laranja e molho de mel e laranja.

5. As sobremesas

A escolha não é tarefa fácil, mas é obrigatório provar uma das sobremesas. Destacamos com gulodice o Tiramisu “Bomba” (8 euros), feito com biscoito savoiardi caseiro, o Canollo Siciliano (6 euros) recheado com ricotta de ovelha doce com pedaços de pistacho e chocolate, ou a Crema Tenera al Cioccolato e Pere (9 euros), uma mousse feita sem açúcar com chocolate 72%, pedaços de pêra e raspas de laranja.

  1. Os cocktails

Uma carta ampla, que tem por base bebidas italianas. Como o Negroni (dos melhores que já bebi), Spritz, Amaretto Sour ou Sgroppino, e os de assinatura. Dos seis cocktails de autor disponíveis, salta à vista o homónimo do restaurante, o Libertà Mule, que é feito com vodka com infusão de cardamomo e tomilho, licor St. Germain e ginger beer. Além disso, a carta de bebidas tem o seu foco também em vinhos nacionais e internacionais, nomeadamente italianos de regiões como Veneto, Sardenha, Toscana ou Lombardia, isto sem esquecer os tradicionais lambrusco e o prosecco.

No final, ficam as palavras do chef Silvio que resumem bem o espírito deste sítio: “A comida é sobre fazer as pessoas felizes, este é um restaurante sem peneiras onde os clientes podem vir e sentir valor da comida. Estamos cá para oferecer qualidade acima de tudo..”

_______________________________________________________________________

O Libertà ainda oferece um menu especial para o horário do almoço, que muda regularmente e é servido entre 12h e 15h, de terça à sexta. Os menus são compostos por antipasti e uma pasta à escolha, e inclui couvert, por 16€. E por 19€ o menu inclui a sobremesa do dia.
O restaurante está aberto de terça a sábado para jantares das 19h às 23h30. As reservas podem ser feitas por telefone (213 541 182) e por email: reservations@liberta.kitchen

*A experiência retratada neste artigo aconteceu a convite da marca e o texto reflete a opinião pessoal dos autores

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

6 podcasts de true crime para detetives de bancada

6 podcasts de true crime para detetives de bancada

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1552

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1552

Inês Herédia a Gabriela Sobral aproveitam festa para uma saída a duas:

Inês Herédia a Gabriela Sobral aproveitam festa para uma saída a duas: "Estes momentos fazem falta"

Jardim Zoológico de Lisboa tem nova cria de veado-da-birmânia, uma espécie em perigo

Jardim Zoológico de Lisboa tem nova cria de veado-da-birmânia, uma espécie em perigo

Neta de Eunice Muñoz obrigada a sair de casa da avó

Neta de Eunice Muñoz obrigada a sair de casa da avó

O novo romance de Lídia Jorge

O novo romance de Lídia Jorge

Seixo by Vasco Coelho Santos: Cozinha do dia a dia no novo restaurante do Douro

Seixo by Vasco Coelho Santos: Cozinha do dia a dia no novo restaurante do Douro

Letizia aposta em top de couro com tachas para evento em Madrid

Letizia aposta em top de couro com tachas para evento em Madrid

20 imagens de cortar a respiração: As melhores fotografias de paisagem do ano

20 imagens de cortar a respiração: As melhores fotografias de paisagem do ano

Prémio Inovação Pedro Oliveira atribuído ao Grupo de Investigação 3B’s da Universidade do Minho

Prémio Inovação Pedro Oliveira atribuído ao Grupo de Investigação 3B’s da Universidade do Minho

Eco-Rally de Lisboa: os elétricos passaram pela capital

Eco-Rally de Lisboa: os elétricos passaram pela capital

EXAME 464 - Dezembro de 2022

EXAME 464 - Dezembro de 2022

Quanto valem os dados que não usamos?

Quanto valem os dados que não usamos?

O centenário de Saramago

O centenário de Saramago

Fátima Lopes inaugura nova loja na Avenida da Liberdade, em Lisboa

Fátima Lopes inaugura nova loja na Avenida da Liberdade, em Lisboa

Porque é que numa maratona se correm exatamente 42,195 quilómetros?

Porque é que numa maratona se correm exatamente 42,195 quilómetros?

Mais ricos de Portugal estão ainda mais ricos

Mais ricos de Portugal estão ainda mais ricos

Eduardo Carpinteiro Albino e José Carlos Figueiredo vencem Campeonato de Portugal de Novas Energias

Eduardo Carpinteiro Albino e José Carlos Figueiredo vencem Campeonato de Portugal de Novas Energias

Porque é que os habitantes da China estão a levantar folhas brancas em protesto?

Porque é que os habitantes da China estão a levantar folhas brancas em protesto?

Sugestões de decoração de Natal

Sugestões de decoração de Natal

Primeiro contacto: Toyota bZ4X, o elétrico com garantia de um milhão de quilómetros para a bateria

Primeiro contacto: Toyota bZ4X, o elétrico com garantia de um milhão de quilómetros para a bateria

Clara de Sousa comemora aniversário:

Clara de Sousa comemora aniversário: "Tenho mais um motivo para sorrir com a família a crescer"

Esta Iguana move-se no universo das novelas gráficas

Esta Iguana move-se no universo das novelas gráficas

Passatempos: vê o que podes ganhar este mês!

Passatempos: vê o que podes ganhar este mês!

DGS estende reforço vacinal contra a covid-19 a crianças entre 5 e 11 anos com doença de risco

DGS estende reforço vacinal contra a covid-19 a crianças entre 5 e 11 anos com doença de risco

Eleições para Conselho Geral e Supervisão da ADSE terminam hoje

Eleições para Conselho Geral e Supervisão da ADSE terminam hoje

Madonna reúne os seis filhos

Madonna reúne os seis filhos

Recrie o look chique de Catarina Gouveia

Recrie o look chique de Catarina Gouveia

Esperança de vida aos 65 anos estimada em 19,30 anos no último triénio

Esperança de vida aos 65 anos estimada em 19,30 anos no último triénio

VISÃO Júnior de dezembro de 2022

VISÃO Júnior de dezembro de 2022

Como um clube português quer tornar o futebol mais

Como um clube português quer tornar o futebol mais "verde"

Orion capta fotografia da Terra e da Lua a 430 mil quilómetros

Orion capta fotografia da Terra e da Lua a 430 mil quilómetros

Karumi, novo banco de Álvaro Siza Vieira

Karumi, novo banco de Álvaro Siza Vieira

Fátima Lopes inaugura nova loja na Avenida da Liberdade, em Lisboa

Fátima Lopes inaugura nova loja na Avenida da Liberdade, em Lisboa

Farmacêutica recolhe lotes de gotas para os olhos comercializadas em Portugal

Farmacêutica recolhe lotes de gotas para os olhos comercializadas em Portugal

Qatar do Alentejo

Qatar do Alentejo

Ganha convites duplos para 'O Gato das Botas:O Último Desejo'

Ganha convites duplos para 'O Gato das Botas:O Último Desejo'

JL 1360

JL 1360

Jorge Cardoso eleito Personalidade do Ano

Jorge Cardoso eleito Personalidade do Ano

A 58.ª edição da Capital do Móvel abre portas, na Alfândega do Porto, dia 26

A 58.ª edição da Capital do Móvel abre portas, na Alfândega do Porto, dia 26

Provincia: Do Alentejo para Lisboa, com Itália na bagagem

Provincia: Do Alentejo para Lisboa, com Itália na bagagem

Atitude, arrojo e inovação: Recorde os

Atitude, arrojo e inovação: Recorde os "looks" de Letizia na entrega dos prémios Francisco Cerecedo