Pela calada, ‘A breve vida das flores’ (Valérie Perrin, Presença) tem-se tornado um dos bestsellers do ano também em Portugal, repetindo o sucesso que tem feito por outras paragens. E se isto hoje em dia é dizer muito de um livro, quanto mais um livro que tem como protagonista a guarda de um cemitério numa aldeia francesa.

E perguntam vocês: o que é que pode acontecer de interessante à guarda de um cemitério numa aldeia francesa? Por fora, pouco. Por dentro, tanto que a certa altura ficamos com aquela sensação que temos em todos os bons livros, sejam passados numa aldeia francesa ou num castelo na Escócia, não há mais nada a dizer no mundo, escuso de ler mais livros.

Então, a história. Pronto, estamos outra vez mal porque não há maneira de vos contar a ‘história’ sem vos estragar a experiência com, como dizem os ingleses, ‘spoilers’ (literalmente ‘estragadores’). Se vos disser que é sobre a luta do amor contra a morte, também não angario muitos clientes. Portanto, o que é que vos posso dizer: Violette, 50 anos, um casamento disfuncional pelas costas e uma tragédia a que sobreviveu a muito custo, vive sozinha na sua casa ao pé das campas. Uma madrugada, bate-lhe à porta um homem com um pedido: deixar as cinzas da mãe na campa de um desconhecido.

O livro desdobra-se em passado e presente, entre o que perdemos e o que podemos ainda ganhar, entre o sofrimento e a recuperação, à medida que Violette reconstrói o puzzle da sua tragédia pessoal e percebe que talvez as coisas não se tenham passado como pensa e que tudo tenha sido muito diferente.

Sei que por esta altura estão vocês a pensar ‘olha outro resumo que não conta nada’ mas se lerem o livro vão agradecer-me por não vos ter contado mais. Basta dizer que é um dos livros mais bem escritos que nos tem chegado nos últimos tempos. Até entra uma velha portuguesa, que todos os verões oferece à protagonista mais uma boneca com traje típico (“E existem centenas de trajes típicos em Portugal” alarma-se Violette a certa altura), e que é responsável por uma das boas gargalhadas que damos ao longo do livro (não passamos o tempo todo a chorar, embora às vezes nos apeteça muito).

Boas notícias: é um livro redentor, no sentido em que, por muito que se tenha sofrido, e por muito que nada possa apagar a marca do sofrimento na nossa vida, nunca é tarde para ser feliz. E isso, nos tempos que correm, é redenção suficiente.

Picuinhice: quem traduziu o título do francês ‘Changer l’eau des fleurs’ podia pelo menos, se o original era pouco sugestivo, ter evitado a dupla cacofonia ‘ve-vi’ (breve-vida) ‘da-das’ (vida das), que soa tão tão mal. Porque não ‘A vida breve das flores’? Mas enfim. São picuinhices de leitora, mas quando se tem em mãos um livro tão poético não custava ser mais sensível a estas coisas. Agora vão ler e depois digam qualquer coisa.

‘A Breve vida das flores’ – Valérie Perrin, Ed. Presença, E19,90

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

Vinhos: Tinto, rosé e - porque não? - clarete

Vinhos: Tinto, rosé e - porque não? - clarete

Volkswagen: cápsula autónoma para transportar até quatro passageiros

Volkswagen: cápsula autónoma para transportar até quatro passageiros

Cibersegurança: ataques recentes revelam “erro grosseiro” por parte das empresas

Cibersegurança: ataques recentes revelam “erro grosseiro” por parte das empresas

O Gosto dos Outros: Cláudia Pascoal

O Gosto dos Outros: Cláudia Pascoal

Liliana Almeida:

Liliana Almeida: "A vida sabe bem"

Jarras, para usar e abusar em casa

Jarras, para usar e abusar em casa

João Mota: O temor do ator na hora do regresso

João Mota: O temor do ator na hora do regresso

Itália/Eleições: BE diz que vitória da extrema-direita demonstra

Itália/Eleições: BE diz que vitória da extrema-direita demonstra "falência da política europeia"

A diversidade importa

A diversidade importa

12 (boas) sugestões para fazer neste fim de semana, em Lisboa e arredores

12 (boas) sugestões para fazer neste fim de semana, em Lisboa e arredores

"Temos casos, na política e na banca, que parecem pura ficção e podem servir de inspiração para séries internacionais. Temos um primeiro-ministro preso à saída de um avião!"

Volvo EX90, o SUV 100% elétrico vai ter LiDAR

Volvo EX90, o SUV 100% elétrico vai ter LiDAR

Inteligência Artificial vai ‘assegurar’ voz de James Earl Jones como Darth Vader

Inteligência Artificial vai ‘assegurar’ voz de James Earl Jones como Darth Vader

CARAS 27 anos de Histórias de Amor - José Eduardo Moniz e Manuela Moura Guedes são companheiros há mais de três décadas

CARAS 27 anos de Histórias de Amor - José Eduardo Moniz e Manuela Moura Guedes são companheiros há mais de três décadas

BE quer requisição de alojamentos locais para resolver crise na habitação estudantil

BE quer requisição de alojamentos locais para resolver crise na habitação estudantil

As figuras da PRIMA 17

As figuras da PRIMA 17

Casa Dentro: Tamara Alves e a arte urbana

Casa Dentro: Tamara Alves e a arte urbana

Resposta à covid-19 custou ao Estado 2.835,2 ME até agosto

Resposta à covid-19 custou ao Estado 2.835,2 ME até agosto

O retrato de família de César Peixoto e Diana Chaves

O retrato de família de César Peixoto e Diana Chaves

Tartaruga Margot apela à preservação do planeta e da vida animal

Tartaruga Margot apela à preservação do planeta e da vida animal

Blumarine apresenta coleção primavera-verão 2023 na Semana da Moda de Milão

Blumarine apresenta coleção primavera-verão 2023 na Semana da Moda de Milão

Hugo Boss apresenta coleção primavera-verão 2023 na Semana da Moda de Milão

Hugo Boss apresenta coleção primavera-verão 2023 na Semana da Moda de Milão

Não saímos da cepa torta

Não saímos da cepa torta

Pintora Graça Morais revela inéditos nas 72 obras da exposição

Pintora Graça Morais revela inéditos nas 72 obras da exposição "Anjos e Lobos"

Artes e Ofícios: esta semana todos os caminhos vão dar a Oeiras

Artes e Ofícios: esta semana todos os caminhos vão dar a Oeiras

7 ideias para o primeiro fim de semana de outono, no Porto e em Vila Nova de Gaia

7 ideias para o primeiro fim de semana de outono, no Porto e em Vila Nova de Gaia

Pó

Cinco erros a evitar na instalação de um carregador para veículos elétricos

Cinco erros a evitar na instalação de um carregador para veículos elétricos

Com a morte de Isabel II, que papel passará a desempenhar a princesa Ana?

Com a morte de Isabel II, que papel passará a desempenhar a princesa Ana?

A experiência de 'Miúdos a Votos' nos Domínios de Autonomia Curricular

A experiência de 'Miúdos a Votos' nos Domínios de Autonomia Curricular

Cinco erros a evitar na instalação de um carregador para veículos elétricos

Cinco erros a evitar na instalação de um carregador para veículos elétricos

Estado com excedente de 2.303 ME até agosto

Estado com excedente de 2.303 ME até agosto

Esperança de vida à nascença diminuiu em todas as regiões do continente

Esperança de vida à nascença diminuiu em todas as regiões do continente

Mobi.E lança vídeos para desmistificar a mobilidade elétrica

Mobi.E lança vídeos para desmistificar a mobilidade elétrica

Agenda pais e filhos para este fim de semana

Agenda pais e filhos para este fim de semana

Bem-vindo, outono!

Bem-vindo, outono!

Do planeta imaginário para a terra real

Do planeta imaginário para a terra real

Jessica Athayde feliz ao lado de Diogo Amaral

Jessica Athayde feliz ao lado de Diogo Amaral

CARAS 27 anos de Histórias de Amor -  D. Isabel e D. Duarte de Bragança vivem em harmonia familiar

CARAS 27 anos de Histórias de Amor - D. Isabel e D. Duarte de Bragança vivem em harmonia familiar

A proposta de valor como aspecto central na retenção e atracção de talento

A proposta de valor como aspecto central na retenção e atracção de talento

O surpreendente desfile da Dolce & Gabbana com Kim Kardashian

O surpreendente desfile da Dolce & Gabbana com Kim Kardashian

Exame Informática TV 784: dobráveis Samsung e scooter elétrica BMW CE 04

Exame Informática TV 784: dobráveis Samsung e scooter elétrica BMW CE 04