Ser criança é sermos todos nós. Ou pelo menos, é o que deveríamos ser. Recordo Saint Exupéry que dizia que os adultos são aborrecidos – e são aborrecidos, precisamente porque se esqueceram de que um dia foram crianças.

Não acredito em roupa de menino ou de menina. Não acredito na atribuição do rosa e do azul. Não creio nas secções de livros para as raparigas e nas secções de livros para os rapazes. Nem nas bonecas para elas. E nas bolas para eles. E acho, acima de tudo, que nenhum menino se deve sentir intimidado por pegar num livro de princesas. Assim como defendo que nenhuma menina deva pensar duas vezes antes de desistir do ballet para rumar ao futebol.

Ser criança é ser uma tela branca. Tela essa onde os adultos – os chatos – pintam os seus sonhos, as suas verdades, os seus dogmas. E tantas vezes se esquecem de pintar a liberdade. A igualde. E o respeito. Todos estes últimos três, tão mais importantes, que os três primeiros.

Neste dia é impossível não recordar uma viagem que fiz ao Egito, na qual percebi que ser criança era bem diferente do que esta privilegiada noção ocidental que temos. Por lá, meninos e meninas pedem por comida. Não é dinheiro que eles querem. É sim matar a fome. Vi-@s encardid@s como se nunca tivessem sentido água na pele. Magr@s como se estivessem à mercê de cair para o lado. E o pior disto tudo – estavam sozinhos.

Aventurei-me pelo Egito sem guias turísticos ou viagens de resort. Fiquei num hotel, que se dizia bom, onde crianças lavavam os elevadores e as escadas. Onde a exploração de trabalho infantil é uma realidade absoluta (e obsoleta) à qual ninguém vira a cara – porque é “normal”. Perdoem-me; não é normal. É DEVER da criança brincar. Não ter fome.

Poder escolher entre vestir rosa e azul. Ou verde, ou amarelo. Porque as cores não trazem “pilinhas ou pipis”. Fomos nós, os crescidos – os chatos – que pintamos a tela dessa maneira. Ser criança é querer sonhar com um amanhã sem medo. É não temer por ser negro ou branco. Amarelo ou vermelho. É poder sentir amor livremente sem se arriscar a ficar sem teto. Ser criança É ter na mão o poder de mudar o mundo. E nós, os adultos, os chatos, temos tanto a aprender com el@s. Porque o maior direito e maior dever da criança é… Ser criança.

Feliz dia da Criança.

Palavras-chave

Relacionados

Moda

Estamos em desconfinamento total

A rubrica No Gender by Mário de Carvalho está de volta.

Moda

Mário de Carvalho apresenta "Odete" - uma coleção 100% No Gender

Conheça o significado deste momento, nas palavras do próprio stylist.

Moda

Mário de Carvalho responde às perguntas das leitoras da ACTIVA

Conheça melhor o stylist responsável pela rubrica No Gender.

Mais no portal

Lifestyle

FISHFISH SUSHI: o melhor do Japão à mesa, com vista para o mar

Ainda não comeu o melhor sushi da cidade até conhecer este novo "hotspot" na Baía dos Golfinhos.

Moda

Sienna Miller rendida a calças de verão da Mango

Leves e fluidas, estas calças são um must-have na estação quente.

Lifestyle

Confirma-se: É possível passar férias em família com segurança e sem medo

Numa altura em que só pensamos em ir para fora cá dentro, decidi fazer uma escapadinha e rumar até Sagres.

Comportamento

5 hábitos que transformam sonhos em objetivos

Neste artigo da rubrica Sucesso Pessoal e Profissional, partilho algumas táticas para passar do sonho à ação, convertendo-o em objetivo.

Beleza e Saúde

#ActivaEmCasa. O treino da semana do CrossFit Cais

Mais uma segunda-feira, mais um circuito de exercícios preparado pela personal trainer Susana Carromeu.

Beleza e Saúde

O guia para encontrar o batom nude perfeito!

Na rubrica Beauty Spot desta semana, deixo alguns conselhos para que procurar este produto não seja uma grande dor de cabeça.

Beleza e Saúde

Qual a quantidade adequada de fruta para quem quer emagrecer?

Confira a explicação de uma nutricionista.

Beleza e Saúde

Especialistas revelam os 3 hábitos essenciais para fortalecer o sistema imunitário

E ainda partilham alguns truques que usam para os seguir e evitar ficar doentes.

Comportamento

13 tipos de orgasmos que as mulheres podem ter

Em honra do Dia Nacional do Orgasmo, que se assinala a 31 de julho, exploramos este aspeto tão importante da sexualidade feminina.

Moda

5 truques de styling para disfarçar a zona da barriga

No episódio de hoje da rubrica Imagem de Sucesso, deixo algumas dicas para que se sinta confiante com qualquer visual.

Beleza e Saúde

La Mer Blue Heart. Pelos oceanos, com amor

No evento de apresentação de mais uma edição limitada Blue Heart Crème de la Mer, a marca reforçou o compromisso de proteger os mares.

Inspirações

Conheça Becki, a blogger que mostrou que o tamanho das calças vale zero

A mulher comprou três pares de jeans de marcas diferentes e ficou em choque quando se apercebeu que o tamanho 40 da Zara é mais pequeno que um 36 da ASOS.

€2,95 por edição 20% desconto  

Assine já!

Papel