Da mesma forma que a assimetria está presente noutras partes do corpo, a maioria das mulheres nota que tem uma mama maior do que a outra – pense nelas como irmãs, e não como gémeas.

De acordo com Jenna Pincott, autora de livros sobre ciência, cerca de 65% das mulheres tem a mama esquerda maior do que a direita. Ninguém sabe ao certo por que motivo isto acontece, apesar de existirem muitas teorias: uma delas sugere que a hipersensibilidade imunitária, que é mais alta no lado esquerdo do corpo, tem um impacto nas hormonas que ajuda a determinar o tamanho e a forma dos seios; outra diz que as mulheres tendem a optar pela amamentação unilateral, deixando o lado dominante livre, o que resulta numa maior produção de leite na mama esquerda, explica Pincott.

Independentemente do motivo, ter mamas assimétricas é completamente normal e não deve mudar a sua relação com o espelho ou com a moda. Por isso mesmo, hoje a rubrica Imagem de Sucesso foca-se nesses casos, mais especificamente em soluções de roupa interior para aumentar a confiança.

Conheça-as no vídeo!

Palavras-chave

Assine a ACTIVA e receba uma fabulosa OFERTA da LIERAC. ASSINE AQUI

Relacionados

Mais no portal