Foi há dez anos que vim à ModaLisboa pela primeira vez.

10 anos, dos 11 de trabalho nesta área. Havia assinado o meu primeira contracto um
ano antes e aguardava, com borboletas na barriga, a célebre semana de moda da
capital.

Lembro-me de que, na altura, o meu grupo de amigos era excêntrico por natureza. Eu
era o mais novo – sou sempre o mais novo – e sabia que eles começavam a prepararse
para esta ocasião com meses de antecedência. Não foi o meu caso. Lembro-me
que optei por um biker jacket cinzento, umas calças super skinny e umas botas de
couro da Levi’s.

Ao pé dos meus amigos eu era, claramente, o inexperiente e por sua vez o mais
discreto.

Houve a magia de uma primeira vez. Onde olhamos vidrados para tudo em nosso
redor. E houve a certeza de que voltaria a pisar aquele chão – mesmo que as
localizações do evento tenham vindo a mudar com o tempo. Não me enganei.
Em 10 anos não falhei uma edição. E já fiz tudo aquilo que possam imaginar.
Já fui um mero expectador, já ajudei a fazer uma colecção (mais do que uma, para
dizer a verdade), já criei nomes de colecções bem como redigi as suas respectivas
descrições. Já desfilei – isto nunca me vai parecer real. E já fui, aliás sou, o fiel aliado
de um órgão de comunicação que se tornou, em parte, uma espécie de casa – a
Revista Activa.

Em dez anos mudou muita coisa. As caras já não são as mesmas e eu já não conheço
quase ninguém. Agora é o contrário, as pessoas conhecem-me. Sabem quem eu sou,
o meu nome e o que faço. Pedem-me fotografias, tal e qual como eu fiz nos primeiros
anos. Este é um ciclo bonito, e que, aos meus olhos, é espelho de resiliência.
Dez anos foi o tempo que a moda em Portugal precisou para assumir riscos, e pude
corrobora-los. Eu estava lá. Eu vi manequins cair, cubos de gelo, ramos de flores
lançados, explosões de cores, homens de saia, homens de saltos, mulheres de fato…

Esta foi uma edição “acordada”. Sustentável. Não fazia sentido que assim não fosse
uma vez que a ausência de sustentabilidade é um problema major na sociedade. E
isso só mostra que a ModaLisboa está alerta. Que é consciente deste organismo vivo
que vive por e para as pessoas.

Ressalvo o que me chega ao coração – a ausência de género em tantas colecções, ou
pelo menos a liberdade de escolha apresentada pelos designers aos futuros
consumidores.
É gratificante para quem faz desta a sua bandeira, ver as questões de género cada
vez menos como barreiras, e mais como pontes.

Os cortes prevêem-se exacerbados, de forma a que um menino ou menina caibam na
mesma peça de roupa, em alguns dos casos, ambos, ao mesmo tempo.

A cor! Que imensidão de cor! É impossível dizer quais são as cores da próxima
estação pois todas elas são válidas. Talvez peneirando bem, nos fique o verde em
maioria, nos seus infinitos tons… Mas está camuflado. Pronto para o que vem a
seguir. Seja lá o que for!

Palavras-chave

Na ACTIVA apresentamos-lhe mulheres e ideias inspiradoras nas mais diversas áreas. Acompanhe-nos, deixe-se inspirar e leia já esta revista. ASSINE AQUI

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Fotografe o Peugeot e-208 no Oeiras EcoRally e ganhe prémios

Fotografe o Peugeot e-208 no Oeiras EcoRally e ganhe prémios

A PRIMA gosta das cores de verão da Parfois, dos sabores frescos da Brigadeirando e da nova coleção da Joana Mota Capitão

A PRIMA gosta das cores de verão da Parfois, dos sabores frescos da Brigadeirando e da nova coleção da Joana Mota Capitão

Cristina Ferreira em festa de arromba com direito a limousine e Karaoke

Cristina Ferreira em festa de arromba com direito a limousine e Karaoke

2 situações em que desperdiça dinheiro sem dar por isso

2 situações em que desperdiça dinheiro sem dar por isso

Os destaques da semana: Um smartphone surpreendente e um relógio luxuoso

Os destaques da semana: Um smartphone surpreendente e um relógio luxuoso

Vamos todos de férias adoecer para Espanha, de carro

Vamos todos de férias adoecer para Espanha, de carro

Oceanos: Projeto FILMar da Cinemateca ajuda a perceber relação dos portugueses com mar

Oceanos: Projeto FILMar da Cinemateca ajuda a perceber relação dos portugueses com mar

NOVA SBE e Le Wagon promovem curso gratuito em Ciência de Dados

NOVA SBE e Le Wagon promovem curso gratuito em Ciência de Dados

Quem é Héctor Cabrera, o cientista mexicano acusado de ser um espião russo?

Quem é Héctor Cabrera, o cientista mexicano acusado de ser um espião russo?

Namorada de longa data de Tom Mann morre na manhã do casamento

Namorada de longa data de Tom Mann morre na manhã do casamento

Zelensky demite embaixadora ucraniana em Portugal

Zelensky demite embaixadora ucraniana em Portugal

Ministro diz que Cobnferência dos Oceanos é

Ministro diz que Cobnferência dos Oceanos é "oportunidade única"

Charlene do Mónaco deslumbra em vestido assimétrico verde

Charlene do Mónaco deslumbra em vestido assimétrico verde

Tecnologia Renault para os carros do futuro

Tecnologia Renault para os carros do futuro

CARAS Decoração de junho: retiros naturais

CARAS Decoração de junho: retiros naturais

Dez vestidos em malha que vai querer comprar nos saldos

Dez vestidos em malha que vai querer comprar nos saldos

Luciana Abreu surge em visual deslumbrante:

Luciana Abreu surge em visual deslumbrante: "Hoje é aquele dia!"

Oeiras EcoRally arranca sexta-feira com a participação da Exame Informática

Oeiras EcoRally arranca sexta-feira com a participação da Exame Informática

Inspirações para relaxar

Inspirações para relaxar

A história do Ballett Gulbenkian

A história do Ballett Gulbenkian

O que especialistas em realeza dizem sobre o futuro financeiro do príncipe André

O que especialistas em realeza dizem sobre o futuro financeiro do príncipe André

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

As figuras da PRIMA 16

As figuras da PRIMA 16

Em

Em "Quero É Viver", Irene apanha Olga e Santiago na cama

Espreitar o futuro

Espreitar o futuro

Sara Matos encanta em visual cor-de-rosa total

Sara Matos encanta em visual cor-de-rosa total

Boxes para correr apps em televisores mais antigos

Boxes para correr apps em televisores mais antigos

3 formas de comunicar melhor quando estamos magoados

3 formas de comunicar melhor quando estamos magoados

Lisboa depois dos turistas

Lisboa depois dos turistas

Letizia recupera vestido de couro para presidir a entrega de prémios de sustentabilidade

Letizia recupera vestido de couro para presidir a entrega de prémios de sustentabilidade

Máxima da Holanda deslumbra em vestido que estreou há 13 anos e joias do século XIX

Máxima da Holanda deslumbra em vestido que estreou há 13 anos e joias do século XIX

Aves migratórias em declínio pela ação do Homem e alterações climáticas, segundo um estudo

Aves migratórias em declínio pela ação do Homem e alterações climáticas, segundo um estudo