Ser criança é sermos todos nós. Ou pelo menos, é o que deveríamos ser. Recordo Saint Exupéry que dizia que os adultos são aborrecidos – e são aborrecidos, precisamente porque se esqueceram de que um dia foram crianças.

Não acredito em roupa de menino ou de menina. Não acredito na atribuição do rosa e do azul. Não creio nas secções de livros para as raparigas e nas secções de livros para os rapazes. Nem nas bonecas para elas. E nas bolas para eles. E acho, acima de tudo, que nenhum menino se deve sentir intimidado por pegar num livro de princesas. Assim como defendo que nenhuma menina deva pensar duas vezes antes de desistir do ballet para rumar ao futebol.

Ser criança é ser uma tela branca. Tela essa onde os adultos – os chatos – pintam os seus sonhos, as suas verdades, os seus dogmas. E tantas vezes se esquecem de pintar a liberdade. A igualde. E o respeito. Todos estes últimos três, tão mais importantes, que os três primeiros.

Neste dia é impossível não recordar uma viagem que fiz ao Egito, na qual percebi que ser criança era bem diferente do que esta privilegiada noção ocidental que temos. Por lá, meninos e meninas pedem por comida. Não é dinheiro que eles querem. É sim matar a fome. Vi-@s encardid@s como se nunca tivessem sentido água na pele. Magr@s como se estivessem à mercê de cair para o lado. E o pior disto tudo – estavam sozinhos.

Aventurei-me pelo Egito sem guias turísticos ou viagens de resort. Fiquei num hotel, que se dizia bom, onde crianças lavavam os elevadores e as escadas. Onde a exploração de trabalho infantil é uma realidade absoluta (e obsoleta) à qual ninguém vira a cara – porque é “normal”. Perdoem-me; não é normal. É DEVER da criança brincar. Não ter fome.

Poder escolher entre vestir rosa e azul. Ou verde, ou amarelo. Porque as cores não trazem “pilinhas ou pipis”. Fomos nós, os crescidos – os chatos – que pintamos a tela dessa maneira. Ser criança é querer sonhar com um amanhã sem medo. É não temer por ser negro ou branco. Amarelo ou vermelho. É poder sentir amor livremente sem se arriscar a ficar sem teto. Ser criança É ter na mão o poder de mudar o mundo. E nós, os adultos, os chatos, temos tanto a aprender com el@s. Porque o maior direito e maior dever da criança é… Ser criança.

Feliz dia da Criança.

Palavras-chave

Leia 6 meses GRÁTIS

Este verão assine a ACTIVA, CARAS, CARAS DECORAÇÃO, entre outras publicações do grupo Trust in News, por 1 ano e receba 6 meses de leitura grátis. Conheça todas as opções, incluindo as versões digitais. ASSINAR

Relacionados

No Gender

Estamos em desconfinamento total

A rubrica No Gender by Mário de Carvalho está de volta.

No Gender

Mário de Carvalho apresenta "Odete" - uma coleção 100% No Gender

Conheça o significado deste momento, nas palavras do próprio stylist.

No Gender

Mário de Carvalho responde às perguntas das leitoras da ACTIVA

Conheça melhor o stylist responsável pela rubrica No Gender.

Mais no portal

Moda

Esta tendência de swimwear improvável favorece peitos pequenos

Deixamos esta e outras sugestões para valorizar a área nas suas próximas idas à praia.

Saúde

4 bons motivos para começar a comer mais uvas

A sua saúde agradece.

Comportamento

Eis o que fazer quando se sente tentada a mentir

De acordo com uma psicóloga.

Imagem de Sucesso

Dicas para fazer as melhores compras em época de saldos

Este é o tema do novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso.

Lifestyle

Estes casinos estão prestes a reabrir

Saiba quando os poderá visitar.

Mulheres Inspiradoras

Condessa D’Edla: a segunda mulher de D. Fernando II, que era artista e não agradava ao povo

A produção de capa da ACTIVA de agosto, protagonizada por Júlia Palha, foi fotografada num chalet conhecido como o "Chalet da Condessa”. Conheça a história desta mulher fascinante.

Diz Quem Sabe

Levantamento das restrições: um teste à eficácia da vacina para a COVID-19

Um artigo de opinião assinado pela Dra. Laura Brum, virologista dos Laboratórios SYNLAB.

Moda

Estes básicos da H&M prometem 'fazer bonito' em qualquer ocasião

Estas sugestões são bonitas, intemporais e surpreendentemente acessíveis.

Celebridades

Este foi o visual de gala preferido de Kate Winslet

A atriz caracterizou o vestido como "uma escultura bordada".

Saúde

O DIU pode causar queda de cabelo?

Saiba se tem alguma relação.

Comportamento

Psicóloga explica como perceber as diferenças entre amor e luxúria

A luxúria pode levar ao amor, mas eles não são a mesma coisa.

Celebridades

Anna Faris casou-se em segredo

A atriz e Michael Barrett namoram desde 2017.