Podemos ser todas diferentes, podemos ter ambições ajustadas à nossa personalidade, à nossa realidade, ao contexto e à cultura. Acredito que mesmo assim todas temos um objectivo comum: sermos felizes. Podemos estar em Portugal, na Lapónia, Venezuela. Todas queremos e merecemos ser felizes, não concorda comigo?

Então atrevo-me a perguntar: sendo este um objectivo comum, porque é que não conseguimos caminhar no mesmo sentido? Aqui é certo que as questões que se prendem com o “ego” e com as comparações, falam mais alto do que qualquer outro bem comum, e é aqui que encontramos o mundo como está. Mas não é disso que quero falar nesta artigo : ) Quero falar sobre coisas positivas e felizes!

Ser feliz é desafiante. Recordo-me de uma vez que tive uma cliente de Coaching que me indicou que o seu principal objectivo de vida era “ser feliz para sempre”. Ao início confesso que fiquei assustada com este objectivo, porque a minha necessidade de racionalização levou-me a pensar “mas isto não é um objectivo SMART!” (específico, mensurável, atingível, realista e definido no tempo). Depois percebi que sim: ser feliz para sempre é um objectivo perfeitamente legítimo, e bem definido. E dá trabalho, e exige obviamente um plano de acção que nos ajude a lá chegar! Ser “feliz para sempre” não é fácil, mas é possível, desde que se trace uma estratégia e um plano de acção para lá chegar. Não há ciência, há que entrar em acção rumo a uma vida mais feliz. E isso dá trabalho.

Defendo a ideia de que somos 100% responsáveis pela nossa felicidade. Não somos responsáveis por alguns acontecimentos da vida (e a questão da COVID-19 é exemplo disso), mas somos sim responsáveis pela forma como decidimos reagir a esses acontecimentos. E, se decidirmos ser felizes, melhor para nós e para os que nos rodeiam.

Então, vamos a algumas dicas para conseguirmos ser (ainda) mais felizes?

1. Valorizar cada pequena conquista na nossa vida. Tantas vezes nos focamos na carência, e nas “falhas”, e tão poucas vezes olhamos para o que fazemos bem e para o que a vida nos dá de positivo.

2. Agradecer no final do dia, antes de dormir. O que podemos agradecer? As coisas mais simples, os acontecimentos mais discretos. Mas há que treinar o cérebro para se focar nas coisas boas, agradecendo, forçando-o a recordar razões para isso.

3. Viver no presente, meditar, nem que sejam 5 minutos por dia. E por favor! Não se desculpe com a típica frase “não tenho tempo”. Se tem 5 minutos para navegar nas redes sociais, também tem 5 minutos para meditar, para antecipar, para visualizar a sua felicidade. Os temas que se prendem com “ansiedade” ou “depressão” são maioritariamente de pessoas que vivem no passado ou no futuro. Sendo assim, peço por favor que faça o seu maior esforço para viver no presente. Acredite que vai dar mais valor à vida, ao que tem, à pessoa que é, ao que conseguiu até aos dias de hoje.

4. Rodeie-se de pessoas felizes. Diz-se, no âmbito do desenvolvimento pessoal e profissional, que “somos a média das 5 pessoas que nos rodeiam”. Por isso, atenção!

Estamos todas no mesmo caminho rumo a uma vida mais feliz e mais satisfatória. Existe sempre espaço para trabalharmos, nem que seja com a intenção de manter o nosso nível de felicidade nos níveis mais elevados.

Por isso atrevo-me a perguntar: qual o seu plano de acção rumo a uma vida mais feliz? Conte-me tudo!

www.mafaldaalmeida.com | mafalda@mafaldaalmeida.comInstagram | Linkedin | Facebook

Próximas acções de formação:

Academia online de desenvolvimento pessoal e profissional – RISING ACADEMY, já a aceitar inscrições. Mais informação em: www.mafaldaalmeida.com/rising-academy

Palavras-chave

Relacionados

Sucesso Pessoal e Profissional

Gestão de tempo descomplicada

Na estreia da rubrica Sucesso Pessoal e Profissional, decidi falar sobre a gestão de tempo. Um tema que tem grande impacto sobre as mulheres.

Mais no portal

Moda

Hoje, temos todos lugares marcados na primeira fila do desfile de Elisabetta Franchi

Uma apresentação digital imperdível da coleção FW21/22.

Imagem de Sucesso

Renove o closet com estas propostas de peças clássicas - e cheias de estilo

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso, mostro alguns exemplos de artigos de movas que nunca irão falhar-vos.

Saúde

Afinal, o que significam as áreas desbotadas no tecido das cuecas?

É uma coisa perfeitamente normal e tem uma explicação muito simples.

Fora da Caixa

Estas lojas online são verdadeiros paraísos para quem tem caracóis

Encontro tudo o que preciso (e muito mais) para cuidar do meu afro nestas plataformas.

Moda

Tons pastel: não há dúvidas de que o lilás é a sensação do momento

Aqui ficam três sugestões de visuais que incorporam a cor romântica.

Saúde

Não escovar os dentes pode causar estes problemas de saúde inesperados

Pelo bem da saúde em geral, este é um hábito que não deve ser descurado.

Comportamento

Isto é melhor do que qualquer pedido de desculpas

Num relacionamento, durante uma discussão de conflito, existem seis passos que ajudam os casais a evitar que a negatividade fique fora de controlo

Moda

A elegância de uma camisa branca em 20 combinações infalíveis

Esta é bem capaz de ser a peça mais versátil do seu guarda-roupa.

Pera Doce

'Querido diário': fui vegan durante duas semanas e agora não quero outra coisa

Durante duas semanas, fiz-me à cozinha, usei ingredientes que me eram completamente estranhos e não meti nem uma fatia de queijo na boca. Isto foi o registo da experiência.

Saúde

4 hábitos saudáveis que podem prejudicar a saúde oral

Não escolhemos uma fotografia de alguém a beber um sumo verde por acaso.

Beleza

Revelado o produto de beleza que Angelina Jolie tem sempre na mala

A atriz é fã de um óleo facial aquoso conhecido pelas propriedades hidratantes e antienvelhecimento.

Comportamento

Comportamentos gordofóbicos variam consoante o biótipo das mulheres

Se duas mulheres tiverem o mesmo peso e altura, a localização da gordura corporal altera o nível de preconceito de que são alvo.