food comida fruta alimentos vegetais.jpg

mediaphotos

Já ouviu falar nas ilhas japonesas de Okinawa? Quer a resposta seja positiva ou negativa, eis o que precisa reter: a população das mesmas tem a maior esperança média de vida de todo o mundo, bem como excelente saúde. E se a própria genética, aliada à prática de atividade física, nomeadamente através da agricultura e pesca, e à sociabilização entre habitantes contribui para estes factos, há algo mais a ditar estes factos.

Falamos, claro, da dieta destas pessoas. Vários cientistas se têm interessado pela proporção em que se baseia a alimentação dos habitantes de Okinawa: muitos hidratos de carbono – sobretudo, batata doce – para pouca proteína, numa proporção de 10 para 1, respetivamente. “É exatamente o oposto das atuais dietas da moda, que sugerem muita proteína e poucos hidratos“, nota Samantha Solon-Biet, da Universidade de Sidney, citada pela BBC.

Embora seja precipitado afirmar que esta é a dieta mais saudável, têm sido realizado várias pesquisas e os resultados não poderiam ser mais interessantes. Exemplo disso é a maior proteção do organismo contra doenças associadas ao envelhecimento (cancro, doenças cardiovasculares, alzheimer), quando submetido a este tipo de regime alimentar.

Ao contrário da grande maioria da população japonesa, que tem o arroz como principal fonte de hidratos de carbono, esta baseia-a na batata doce. Além disso, consomem também legumes verdes e amarelos em abundância, vários produtos de soja e uma percentagem mínima de produtos animais, como carnes de porco ou peixe.

Além disto, a ingestão de calorias dos moradores é mais baixa do que o recomendado para um adulto. E alguns cientistas acreditam que este pode ser também um fator importante na longevidade. Até porque desde o início do século XX que várias pesquisas sugerem que as dietas restritas em calorias não só promovem a perda de peso, como podem ajudar a retardar processos de envelhecimento.

Mas esta limitação de proteínas não precisa de ser eterna. De acordo com Karen Ryan, bióloga-nutricionista da Universidade da Califórnia, a partir dos 65 anos de idade, podemos obter benefícios se aumentarmos o consumo de proteínas – já que, até então, foram prevenidos danos no corpo, através da sua limitação. “A nutrição ideal varia de acordo com a história de vida“, afirma.

Por fim, importa notar também que, de acordo com a BBC, um outro estudo apontou para o facto de uma dieta mais rica em proteína vegetal parecer ser melhor do que uma dieta rica em carne ou laticínios, por exemplo. Ou seja, o segredo da longevidade desta população pode também residir no elevado consumo de legumes e frutas, e não só na reduzida porção de proteínas. E como cada organismo é diferente, o segredo é mesmo experimentar e perceber o que melhor funciona para si.

Palavras-chave

Relacionados

Saúde

4 consequências de (quase) eliminar os hidratos de carbono da alimentação

Sim, é importante não exagerar. Mas também não deve cortá-los de todo.

Saúde

Dietas restritivas de grupos de alimentos nunca são necessárias para a perda de peso, afirma especialista

Jillian Michaels, a antiga treinadora do programa "Biggest Loser", revelou ainda as duas "chaves" para uma perda de peso eficaz.

Diz Quem Sabe

Aprenda a escolher os melhores cereais de pequeno-almoço

As idas ao supermercado nunca mais serão as mesmas!

Mais no portal

Imagem de Sucesso

Estas dicas vão facilitar a escolha das suas próximas calças de ganga

Do corte às lavagens, saiba que modelos mais favorecem as mulheres.

Beleza

Descubra qual é o melhor Gua sha para si

Uma ferramenta de beleza que se tornou indispensável na rotina de beleza de muitas mulheres.

Saúde

Ter plantas em casa aumenta a felicidade e a esperança de vida

Estes são apenas dois dos muitos benefícios comprovados pela ciência de apostar na botânica de interiores.

Moda

Que sapatos usar com calças de ganga flare? Temos a resposta

Inspire-se nestes 12 "looks" de influencers internacionais.

Beleza

Este truque deixa as sobrancelhas no lugar de uma vez por todas

É simples, prático e surpreendentemente acessível. A melhor parte? Só vai precisar de duas coisas para ter sobrancelhas de sonho.

Comportamento

As mulheres usam quatro técnicas específicas para aumentar o prazer durante o sexo

Um estudo recente pretende disponibilizar uma linguagem clara e que empodere as mulheres para tornarem o ato sexual mais satisfatório.

Saúde

A pandemia trouxe maus hábitos que sugam a energia do corpo

Saiba como corrigi-los e ganhar qualidade de vida.

Beleza

Estas fotografias provam que o lob é tão versátil quanto elegante

Por isso mesmo, é um dos cortes preferidos das influencers neste momento.

Comportamento

O que acontece quando uma mulher tem um orgasmo?

O cérebro, mais especificamente o lobo frontal, fica a todo o vapor!

Beleza

Os motivos para ser uma boa ideia investir numa bruma facial

Um produto de beleza bastante útil nos dias quentes, cujos benefícios vão muito além da hidratação.