@bloodygoodperiod

O corpo humano está em constante mudança ao longo da vida, o que faz com que tenhamos que adaptar-nos a cada fase. E com a menstruação não poderia ser diferente. A ginecologista Adriana Feital de Oliveira Gameiro explicou à revista brasileira “Boa Forma” como o ciclo muda aos 20, aos 30 e aos 40 anos. Continue a ler para perceber as principais diferenças.

O período nos “intes”

Nesta fase, o fluxo começa a ficar mais estável. A mulher jovem ovula com mais frequência e, por isso, tem ciclos menos irregulares. Mas essa consistência acaba por acarretar outros fatores como, por exemplo, a tensão pré-menstrual (TPM), as cólicas e a sensibilidade das mamas. Quem toma a pílula anticoncecional tende a notar uma melhoria nestes sintomas sintomas.

O período nos “intas”

A menstruação passa a ser bem previsível nesta faixa etária. Contudo, por ser considerada uma reação inflamatória pelo organismo, a sua regularidade aumenta a probabilidade de a mulher sentir cólicas. Também é preciso ter atenção aos problemas que podem surgir na casa dos 30, como a endometriose ou os fibroides. A primeira condição acontece quando a mucosa que reveste a parede interna do útero, o endométrio, acaba por crescer em outras áreas do corpo, como nos ovários, causando uma dor intensa e persistente. Já a segunda diz respeito a tumores benignos que alteram a intensidade do fluxo.

O período nos “entas”

A casa dos 40 representa a última fase fértil da mulher. Aqui, o corpo começa a preparar-se para a menopausa. Isto significa que os níveis de algumas hormonas, como é o caso da progesterona e do estrogénio, caem, tornando a ovulação mais irregular e influenciando as características do ciclo. Com isso, o fluxo pode tornar-se mais intenso, mais curto, mais longo ou até ausente. Os sintomas da TPM também podem perdurar por mais dias.

Palavras-chave

Assine a ACTIVA

Deixe-se inspirar, assine a ACTIVA, na sua versão em papel ou digital, a partir de €2,00 a edição. Saiba tudo aqui ASSINAR

Relacionados

Saúde

Como diferenciar as cólicas menstruais das de implantação?

Por vezes, os sintomas de início da gravidez podem ser difíceis de diferenciar dos da TPM.

Saúde

Portuguesas unem-se contra a pobreza menstrual

Conheça esta campanha.

Saúde

Menstruação: há mulheres mais intolerantes às dores ou com dores mais fortes?

Compreender o tema faz perceber melhor o que cada uma passa durante esta altura do mês.

Mais no portal

Comportamento

Porque é que os humanos fazem sexo? Estudo descobre 237 razões

De acordo com os autores, os resultados refutaram muitos estereótipos de género.

Moda

11 formas de usar blazers com calças de ganga neste outono

Inspire-se nestes visuais de influencers.

Activa Brand Studio

Estes são os visuais de Catarina Gouveia perfeitos para estarmos em casa... e fora!

Nas Bancas

A ACTIVA de novembro, com Eunice Muñoz na capa, já nas bancas!

Uma edição especial, que dá a conhecer a história de vida e as histórias do teatro da atriz.

Lifestyle

Sim, é possível fazer uma granola na frigideira

Opte pela versão caseira deste pequeno almoço apreciado por muitos, sem ter de recorrer ao forno. Simples e mais que saboroso!

Lifestyle

A felicidade é já aqui!

Uma escapadinha em família a menos de 30 minutos de Lisboa

Comportamento

As palavras gregas para amor incluem 7 tipos que podemos experienciar

Saiba quais são e no que consiste cada um deles.

Moda

Sweaters e saias: a fórmula mais simples e elegante para os meses de outono/inverno

Inspire-se nesta combinação elegante de peças para o dia a dia.

Comportamento

Saiba o que gemer (ou não) durante o sexo diz sobre si

Porque será que algumas pessoas são mais barulhentas que outras? Descubra a explicação para esta e outras questões e saiba como pode alterar a sua 'performance'.

Mulheres Inspiradoras

Alemã cria anticoncecional masculino inovador

Que funciona através de ultrassom.

Comportamento

Traição emocional: o que é e como saber se está a acontecer no seu relacionamento

Uma especialista explica quando é que amizades com terceiros podem ser ameaçadoras para uma relação amorosa.

Saúde

Afinal, o descafeinado é ou não saudável?

Entenda o processo de eliminação da cafeína e o respetivo nível de segurança.