@maskk

Um recente estudo realizado pelo Ragon Institute da MGH, pelo MIT e por Harvard veio demonstrar que a imunidade contra a variante Ómicron é conseguida com as vacinas de mRNA, nomeadamente Pfizer e Moderna. Os cientistas chegaram a esta conclusão após desenvolverem uma espécie de vírus que imitasse o comportamento desta nova variante da covid-19.

O objetivo era perceber quais as vacinas que eram mais eficazes – juntando a Johnson & Johnson às duas de mRNA -, bem como a influência da terceira dose. Ora, segundo avança o principal autor do estudo, Alejandro Balazs, a conclusão é clara:

Detetámos pouca neutralização desta imitação do vírus da variante Ómicron quando utilizámos amostras recolhidas de pessoas que foram recentemente vacinadas com duas doses da vacina de mRNA ou uma dose da Johnson & Johnson“. Por sua vez, “aqueles que receberam três doses de vacina de mRNA demonstraram uma neutralização muito significativa contra a variante Ómicron“.

Palavras-chave

Assine a ACTIVA e receba uma fabulosa OFERTA da LIERAC. ASSINE AQUI

Mais no portal